Novos candidatos à Presidência dos EUA: Bush e Trump

Ao longo desta semana juntaram-se mais dois republicanos à corrida para a presidência dos Estados Unidos da América: Jeb Bush, filho e irmão de ex-presidentes, e Donald Trump, o empresário multimilionário.

Jeb Bush, o descendente de presidentes

jeb bushJeb Bush, de 62 anos, foi governador da Florida, entre 1999 e 2007. É filho de George Bush (presidente entre 1989 e 1993) e irmão mais novo de George W. Bush (presidente entre 2001 e 2009). Apesar desta ligação familiar, é de notar que o seu material de campanha não faz quase referência ao apelido, que de facto terá a sua notoriedade, mas esta poderá nem sempre ser a melhor – como disse Trump no início deste ano à CNN, “a última coisa de que precisamos é de outro Bush”. Assim, e como se pode ver no site oficial da sua campanha, o seu logo apresenta somente o seu nome próprio e um ponto de exclamação.

O terceiro Bush a avançar para a Casa Branca, escolheu anunciar a sua candidatura ontem em Miami, dizendo que a América está a seguir um mau caminho e que iria “concorrer com coração, concorrer para ganhar”. O crescimento económico anual foi uma das primeiras promessas. A sua estratégia passou também por apelar à comunidade latina, tendo usando inglês e espanhol no seu discurso. Jeb Bush foi desde logo apontado pelos especialistas como um dos principais concorrentes do partido republicano à candidata democrata, Hillary Clinton.

Donald Trump, o empresário multimilionário

Após mais de duas décadas de rumores sobre a sua candidatura à presidência, Trump, de 69trump anos, apresentou-se ontem como pretendente à corrida para a Casa Branca. O empresário anunciou a sua candidatura numa das suas torres “Trump”, de 68 andares, em Nova Iorque:

“Senhoras e senhores, anuncio oficialmente que estou a concorrer para ser presidente dos Estados Unidos, e nós vamos tornar o nosso país maravilhoso outra vez.”. Este discurso reflete-se no próprio slogan oficial da sua campanha: “Make America Great Again” (Tornar a América maravilhosa outra vez).

Trump declarou que o sonho americano está morto, prometendo construí-lo de novo, caso vencesse. Disse aos repórteres que estava a pensar auto-financiar a sua campanha, tendo acrescentado que “é muito rico”. Falou da sua fortuna, avaliada em 8.7 mil milhões de dólares, dizendo que é esse o tipo de pensamento de que a América precisa. “Temos um pensamento oposto. Temos perdedores. Temos pessoas que não têm o que é preciso. Temos pessoas moralmente corruptas.”.

Criticou fortemente os imigrantes mexicanos, referindo que se fosse eleito construiria “um grande, grande muro” na fronteira entre o México e os EUA.

Os desafios que se avizinham para Bush e Trump

Ambos os candidatos ainda terão de enfrentar as eleições primárias do partido republicano. Apesar do favoritismo que parece vir com o nome de Jeb Bush, este está praticamente empatado nas últimas sondagens com o senador Marco Rubio, também da Florida. Segundo Andrew Card, próximo da família Bush, Jeb enfrentará outros desafios: “Há um preconceito em relação a Jeb Bush – há quem diga que ele seja demasiado moderado para um republicano e há quem não queira eleger mais um Bush”.

Donald Trump ainda não está oficialmente registado na Comissão Federal de Eleições. Tem quinze dias para o fazer e ainda poderá voltar atrás.

Relembramos aqui quais são os atuais candidatos, notando uma clara discrepância entre o número de candidatos democratas (4) e republicanos (12).

(Fonte: New York Times)

Democratas: 
– Hillary Rodham Clinton (ex-secrertária de Estado);
– Bernie Sanders (senador);
– Martin O’Malley (ex-governandor de Maryland);
– Lindon Chafee (ex-governador de Rhode Island).

Republicanos: 
– Ted Cruz (senador);
– Rand Paul (senador);
– Marco Rubio (senador);
– Ben Carson (neurocirurgião reformado);
– Carly Fiorina (ex-gestora executiva);
– Mike Huckabee (ex-governandor do Arkansas);
– Rick Santorum (ex-senador);
– George Pataki (ex-governador de Nova Iorque);
– Lindsey Graham (senador);
– Rick Perry (ex-governandor do Texas);
– Jeb Bush (ex-governandor da Florida);
– Donald Trump (empresário).

Descomplicador:

As eleições para a presidência dos Estados Unidos da América irão realizar-se a 8 de Novembro de 2016. Ontem mais dois candidatos juntaram-se aos dez nomes republicanos que concorrem para a Casa Branca: Jeb Bush (ex-governador da Florida) e Donald Trump (empresário multimilionário).

xldaus@clrmail.com'
Publicado por: Marta Menezes Ventura

22 anos, natural de Lisboa. Finalista de Jornalismo na Escola Superior de Comunicação Social. Durante o ano lectivo de 2012/2013 participou no Sala de Projeção, um formato da ESCS FM sobre cultura, composto por um directo semanal e um site. Em 2013/2014 foi coordenadora do projeto.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *