Bombeiros querem demissão Anabela Rodrigues

Em Congresso Nacional, mais de 200 bombeiros profissionais votaram positivamente e por unanimidade um pedido de demissão da Ministra da Administração Interna. Avisam ainda que podem avançar com uma greve caso os

A justificação para a aprovação da medida encontra-se na “indiferença” da ministra. Em comunicado oficial, os anabela rodriguesbombeiros afirmam mesmo que Anabela Rodrigues não tem sabido “zelar pelos direitos e interesses dos bombeiros”, que atravessam uma fase de “constantes e graves problemas”.

Em causa estarão factores como o não reconhecimento da “actividade dos bombeiros como profissão de risco e desgaste rápido” ou como o facto de o novo estatuto profissional, “que foi acordado pelo ex-ministro da Administração Interna [Miguel Macedo] e seu ministério”, ainda não ter sido publicado.

A indignação dos bombeiros prende-se também com a “inércia” de Passos Coelho, que afirmam “não se preocupar com a segurança das populações”. Ainda no comunicado, está patente um aviso de greve: “se a ministra continuar a não ouvir” os bombeiros, irão recorrer a “todas as formas de luta possíveis, incluindo uma greve nacional”.

Recorde-se que Anabela Rodrigues está em exercício de funções há pouco mais de seis meses, depois de suceder a Miguel Macedo em Novembro passado na sequência da Operação Labirinto, que visava a atribuição de vistos GOLD.

Descomplicador:

Os bombeiros portugueses estiveram ontem reunidos em Congresso Nacional e aprovaram por unanimidade um pedido de demissão da Anabela Rodrigues, Ministra da Administração Interna. Avisaram ainda que podem recorrer a uma greve nacional caso a ministra continue a “não ouvir” os bombeiros.

Publicado por: José Pedro Mozos

22 anos, natural de Lisboa. Aos dezasseis anos percebeu que a sua vocação era o jornalismo. Licenciado em jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Socia e pós graduado em Jornalismo Multiplataforma pela FCSH - Universidade Nova de Lisboa. Foi comentador num programa da rádio da sua faculdade sobre actualidade política; editor de música da ESCS Magazine e escreveu para o site Bola na Rede. Acredita no jornalismo como sendo um dos pilares de qualquer democracia. Atualmente, é jornalista na SIC Notícias.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *