Primeiro-Ministro finlandês oferece casa para alojar emigrantes

Juha Sipila é um milionário de 53 anos que se tornou Primeiro-Ministro na Finlândia e que agora ofereceu a sua casa para receber um conjunto de emigrantes que irão para o seu país no âmbito das quotas de distribuição de refugiados pelos países europeus. Sipila diz no entanto que um aumento das quotas deve partir “de uma base voluntária”.

Juha Sipila FinlândiaO Primeiro-Ministro finlandês diz que “cada um se deve olhar ao espelho e pensar o que pode contribuir”, disponibilizando-se ele próprio para receber um conjunto de emigrantes na sua casa localizada no norte do país a partir do inicio do ano de 2016.

Numa entrevista à televisão estatal da Finlândia, Juha Sipila diz ainda que “o plano para aumentar as quotas de refugiados na União Europeia, deve partir de uma base de apoio voluntária”, defendendo que não deve ser imposta pela Comissão Europeia e aceite sem discussão pelos países.

No entanto a Finlândia reviu já o número de refugiados que vai receber no país passando para 30 mil, um valor que é quase o dobro da quota disponibilizada inicialmente.

Juha Sipila foi eleito deputado em 2011 e Primeiro-Ministro em 2015, quando venceu as eleições com 21% dos votos em representação do Partido do Centro. O Governo liderado por Sipila resulta de uma coligação com o Partido do Centro, com o Partido dos Verdadeiros Finlandeses, nacionalista e ainda com o Partido da Coligação Nacional, conservador.

Descomplicador:

Juha Sipila, Primeiro-Ministro da Finlândia, ofereceu a sua casa para receber alguns dos emigrantes que o seu país vai ter de acolher. O PM finlandês defende no entanto que um aumento de quotas deve partir “de uma base voluntária” dos países europeus.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *