Marcelo apresenta-se hoje às 18h. Ponto de situação da corrida a Belém

Marcelo Rebelo de Sousa vai apresentar hoje a sua candidatura presidencial. Ontem Sampaio da Nóvoa reafirmou a vontade de ir até ao fim e Maria de Belém marcou também a apresentação para Terça-Feira. O Panorama faz um ponto de situação sobre a corrida a Belém, que começa a ganhar intensidade.

Marcelo Rebelo SousaO candidato da direita, Marcelo Rebelo de Sousa marcou para as 18h a apresentação da sua candidatura presidencial, que será feita na Biblioteca Municipal de Celorico de Basto, segundo começou por avançar hoje a TVI24, tendo já o jornal Expresso confirmado também a informação.

Para além da candidatura de Marcelo de Rebelo de Sousa, ontem, António Sampaio da Nóvoa falou aos jornalistas onde disse que “tendo em conta o resultado das eleições legislativas, ficou mais clara do que nunca a urgência desta candidatura”, dizendo que faz falta a Portugal “um Presidente da República que seja capaz de representar todos os portugueses e de construir compromissos históricos num tempo tão exigente da nossa vida colectiva”, “um Presidente que não exclua ninguém” e “um Presidente que não esteja refém de interesses particulares ou de lógicas partidárias”, condição que sempre referiu desde o lançamento da sua candidatura.

O ex-reitor universitário diz ainda que “quanto mais difíceis são os desafios, mais forte é a minha determinação, o meu compromisso”, terminando a sua declaração à imprensa ao dizer que “não quero nada para mim, mas estou disposto a dar tudo”.

Também na área socialista, Maria de Belém vai apresentar a sua candidatura na Terça-Feira, 13 de Outubro, tal como o Panorama tinha já dado conta, tendo recebido nos últimos dias um conjunto de apoios, entre eles de Jorge Coelho e Francisco Assis. António Costa já colocou o Partido Socialista à margem de um apoio presidencial na primeira volta das eleições presidenciais.

Henrique NetoQuanto aos candidatos menos mediáticos, Henrique Neto está na fase final de recolha de assinaturas, estando perto de atingir as 7500 necessárias para formalizar a candidatura. O candidato ligado ao Partido Socialista, embora nunca tenha estado em hipótese o apoio do partido, tem mantido uma agenda preenchida, estando nos próximos dias no Clube dos Pensadores em Gaia, visitando também os Politécnicos de Setúbal, Beja e Castelo Branco.

Paulo Morais, ex-Vice-Presidente da Câmara do Porto e actualmente professor universitário e comentador politico, disse na sua página de Facebook ter atingido no dia 20 de Setembro as 7500 assinaturas necessárias para formalizar também a sua candidatura. Paulo Morais tem participado nalgumas conferências e palestras mas sem grande agenda pública.

Mais recentemente, Edgar Silva foi apontado como candidato presidencial pelo Partido Comunista Português. O antigo padre vai agora iniciar a campanha presidencial apoiado pelo partido que lidera na Região Autónoma da Madeira.

Outras candidaturas como Paulo Borges e Manuela Gonzaga não têm tido grandes desenvolvimentos nos últimos tempos, e Paulo Freitas do Amaral tem agora a estratégia dependente do seu desempenho no reality-show da TVI, Quinta das Celebridades.

Descomplicador:

Marcelo Rebelo de Sousa vai apresentar hoje a sua candidatura presidencial. Sampaio da Nóvoa e Maria de Belém estão a acelerar os motores, enquanto os outros candidatos procuram garantir as assinaturas necessárias para formalizarem as candidaturas. Edgar Silva, do PCP, juntou-se ontem à corrida.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *