“Sei onde estava Relvas, Passos e Ângelo Correia quando critiquei Sócrates”

O militante do Partido Social Democrata, mas também um dos seus maiores críticos, José Pacheco Pereira, disse numa conversa com o Diário de Noticias, lembrar-se “onde estavam Miguel Relvas, Pedro Passos Coelho e Ângelo Correia quando critiquei as politicas de José Sócrates”.

José Pacheco PereiraPacheco Pereira diz ainda ter a esperança que o PSD mude de politica, sendo esse o motivo pelo qual ainda se mantém militante do partido. Ainda assim, o historiador e comentador politico mostra não ser grande fã de Pedro Passos Coelho recuando aos tempos de Sócrates, onde “estava muita gente do PSD que rondava ali o mundo dos negócios e que também queria grandes obras públicas, investimento público, e que achava que a Manuela Ferreira Leite ia cortar isso tudo”.

O membro da Quadratura do Circulo, na SIC Noticias, tem assim esperança que a história “possa ser rectificada ou minimizada e isto seja um período negro”. Ainda assim, Pacheco Pereira diz ter as quotas em dia e ser um militante de “pleno direito”, salientando ainda que nunca foi contra os estatutos do partido, nomeadamente, “não faze parte de listas de outro partido, não aceitar lugares noutro partido”, acrescentando ainda que “não mudei de partido, ninguém me vê a apoiar eleitoralmente outro partido”.

Na entrevista do Diário de Noticias, Pacheco Pereira classificou ainda António Costa como “um péssimo líder da oposição”, acrescentando ainda que não tem a ambição de integrar nenhum Governo”. Pacheco Pereira defende também a indigitação de Passos Coelho, que tem “direito a ser indigitado porque a coligação ganhou as eleições. Não tem direito é a exigir que o PS lhe permita a passagem do governo”.

Descomplicador:

José Pacheco Pereira, membro da Quadratura do Circulo e militante do PSD, apesar de ser um dos maiores críticos, diz “lembrar-se onde andavam Relvas, Passos e Ângelo Correia quando critiquei José Sócrates e quando Manuela Ferreira Leite o fez”, acusando o PSD de viver à volta do mundo dos negócios e tendo a esperança de ver o partido mudar de politicas.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *