Pires de Lima deixa tomada de posse de eléctrico na companhia dos Secretários de Estado

O ex-Ministro da Economia, António Pires de Lima, resolveu da melhor maneira a forma como deixou de ter em poucos minutos transporte oficial do estado. Os momentos de tomada de posse de um novo Governo geram sempre momentos caricatos, com os ex-governantes a chegarem ao local na viatura oficial e depois a deixarem de ter transporte para saírem do Palácio da Ajuda. António Pires de Lima e os seus Secretários de Estado resolveram a situação de forma prática.

Pedro Gonçalves Leonardo Mathias Pires de Lima Sérgio MonteiroAssim que terminou a cerimónia de tomada de posse que decorreu no Palácio da Ajuda, António Pires de Lima e três dos seus secretários de estado, Pedro Gonçalves, Leonardo Mathias e Sérgio Monteiro (responsável pelos transportes), apanharam o eléctrico 18 na estação da Ajuda, onde se deslocaram até ao Cais do Sodré para um almoço de despedida.

O único que não se juntou na viagem de eléctrico foi Adolfo Mesquita Nunes, Secretário de Estado do Turismo que foi o único da equipa de Pires de Lima a manter-se no Governo. Ainda assim, segundo o semanário Expresso, Mesquita Nunes juntou-se depois ao almoço promovido por António Pires de Lima para assinalar o fim deste ciclo no Governo.

As cerimónias de tomada de posse têm decorrido nos últimos anos no Palácio da Ajuda, gerando sempre momentos caricatos com os transportes oficiais dos governantes. Em 2011 recorde-se que Pedro Mota Soares, Ministro da Segurança Social, chegou ao Palácio na sua scooter.

Descomplicador:

António Pires de Lima e a sua equipa resolveram da melhor forma o facto de após a tomada de posse terem ficado sem transporte oficial do estado. Pires de Lima promoveu um almoço de despedida, viajando até ao restaurante de eléctrico. O ex-Secretário de Estado dos transportes, Sérgio Monteiro também se juntou na viagem.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *