PSD fica com a Comissão de Finanças e PS com os Assuntos Constitucionais

Foram hoje distribuídas as comissões parlamentares permanentes da Assembleia da Republica. A distribuição é feita por ordem dos grupos parlamentares mais votados com o PSD e o PS a liderarem dez das 12 comissões. Bloco de Esquerda e CDS lideram cada um uma comissão.

Comissões Parlamantares Comissão Parlamentar Parlamento Assembleia da RepublicaDe entra as mais cobiçadas, o PSD optou por liderar a Comissão de Orçamento e Finanças, nesta legislatura apelidada de Comissão de Orçamento e Modernização Administrativa. Por outro lado, o PS ficará assim à frente da Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, que nesta legislatura ganha ainda a sub-comissão de Ética, que desce de nível.

Nos últimos quatro anos, Eduardo Cabrita do PS e Fernando Negrão, do PSD tinham liderado respectivamente as duas comissões mais cobiçadas da Assembleia da Republica. O CDS ficará a liderar a comissão de economia, área que lhes é grata visto terem desempenhado essas funções no último Governo. Ao contrário do que é a sua matriz, o Bloco de Esquerda ficará a presidir à Comissão de Ordenamento do Território e do Poder Local, apesar de ser o partido com menos representação autárquica no Parlamento, apenas à frente do recém-chegado PAN.

O PSD ficará ainda responsável pelas comissões de Defesa, Assuntos Europeus (que com António Costa pode ser alvo de um ministério), Saúde e Trabalho e Segurança Social. Por outro lado o PS ficará a liderar também as comissões de Negócios Estrangeiros, Agricultura, Educação e Comunicação Social, Cultura, Juventude e Desporto.

O elenco das comissões parlamentares será definido ao longo da tarde em mais uma sessão plenária a decorrer no Parlamento.

Descomplicador:

O PSD e o PS escolheram hoje quais as comissões parlamentares permanentes que querem liderar nesta legislatura. O partido mais votado escolhe primeiro e o PSD escolheu a Comissão de Orçamento, uma das mais cobiçadas. Por outro lado, o PS garantiu a liderança dos Assuntos Constitucionais. O CDS e o Bloco de Esquerda vão presidir cada um a uma comissão.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *