Cérebro dos ataques em Paris terá sido abatido

Abdelhamid Abaaoud, o alegado organizador dos ataques de Paris na passada sexta-feira, terá sido abatido pela polícia francesa esta manhã no bairro parisiense de St. Denis. A informação foi avançada pelo jornal “Washington Post”, que cita duas fontes ligadas aos serviços de investigação franceses.

Abdelhamid AbaaoudA notícia foi publicada minutos antes do procurador de Paris, François Molins, fazer um balanço da operação que se realizou esta manhã num bairro da capital francesa e que visava capturar Abdelhamid Abaaoud, o cérebro dos atentados de Paris. De acordo com o procurador, há cinco detidos e dois mortos por identificar. A única informação avançada por François Molins foi a de que “Abdelhamid Abaaoud não se encontra entre os detidos”, embora o processo de identificação dos terroristas abatidos ainda não estar concluído. No entanto, e segundo as fontes citadas pelo “Washington Post”, um dos mortos já foi identificado por especialistas forenses e dizem tratar-se mesmo de Abdelhamid Abaaoud.

Até agora as notícias sobre o paradeiro do terrorista indicavam que o jihadista se encontrava na Síria e não na capital francesa. No entanto, informações obtidas pelos serviços secretos franceses indicavam que o terrorista podi estar no bairro de Saint Denis, em Paris. A polícia francesa avançou então com uma intervenção para tentar capturar Abdelhamid Abaaoud na madrugada desta quarta-feira.

Esta operação tinha como objetivo não apenas a captura do mentor dos ataques mas também evitar que se realizasse um novo atentado. O que levou as forças de segurança francesas ao bairro de Saint-Denis foi um telemóvel encontrado num caixote do lixo nos arredores do Bataclan, um dos locais dos atentados de Paris. A operação começou com um cerco a um prédio ao qual se seguiu uma intensa troca de tiros. A operação demorou mais de sete horas e o balanço feito pelo procurador é positivo, já que se conseguiu neutralizar um grupo que estava pronto a atacar novamente a capital francesa.

 Descomplicador:

O mentor dos ataques terroristas de Paris, na passada sexta-feira 13, terá sido abatido pela polícia francesa esta manhã numa operação levada a cabo pelas autoridades no bairro de Saint-Denis, em Paris. Esta ação pretendia não só capturar Abdelhamid Abaaoud mas também neutralizar um grupo que tinha intenções de provocar novos ataques na capital francesa. A morte deste terrorista ainda não é oficial, mas segundo fontes citadas pelo “Washington Post” a confirmação já foi feita por especialistas forenses.

Publicado por: José Pedro Mozos

23 anos, natural de Lisboa. Aos dezasseis anos percebeu que a sua vocação era o jornalismo. Licenciado em jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social e pós graduado em Jornalismo Multiplataforma pela FCSH - Universidade Nova de Lisboa. Entre março de 2016 e junho de 2017 passou pela SIC Notícias. Faz parte da editoria de política da Revista VISÃO desde julho de 2017. Acredita no jornalismo como sendo um dos pilares de qualquer democracia. Atualmente, faz parte do Conselho Editorial do Panorama.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *