Governo quer reintegrar trabalhadores em regime de requalificação

O governo de António Costa vai, ao que tudo indica, reintegrar os cerca de 600 trabalhadores que se encontram no regime de requalificação da função publica. O anuncio foi feito pelo Ministro da Segurança Social, Vieira da Silva, em entrevista à Antena 1 e ao Diário Económico.

Vieira da SilvaApesar de salvaguardar que estava a “meter a foice em seara alheia”, Vieira da Silva disse aos microfones da Antena 1 que “o mecanismo mais adequado, é promover a mobilidade” dos cerca de 600 trabalhadores que se encontram actualmente no regime de requalificação da função publica.

Vieira da Silva disse que no seu entender, “o custo que trouxe para as pessoas, para as famílias e para os serviços, este tipo de operação, não foi compensado pelos eventuais ganhos que o Estado teve nesse processo”. Actualmente Vieira da Silva adiantou que os serviços dos diversos ministérios estão a fazer a recolha das pessoas envolvidas neste processo.

Noutras áreas da actuação do seu ministério, Vieira da Silva adiantou que verá o seu orçamento reforçado com vista a dar provimento “à questão do complemento solidário para idosos, à “questão do abono de família, rendimento social de inserção”.

No que toca à reforma da segurança social, Vieira da Silva afastou o cenário de uma nova Lei de Bases, defendendo que o que a segurança social necessita é de “uma gestão reformista que corrija problemas e dê mais eficácia ao sistema”.

Descomplicador:

O Ministro do Trabalho e da Segurança Social, Vieira da Silva, disse em entrevista à Antena 1 e ao Diário Económico que o estado pretende reintegrar os cerca de 600 trabalhadores que se encontram no regime de requalificação. O ministro do governo de António Costa diz ainda que a melhor solução será a mobilidade. Noutras áreas, Vieira da Silva afastou uma nova Lei de Bases da Segurança Social, dizendo que o que é necessário é “melhorar a eficácia”.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *