Estão encontrados os finalistas do Jovem Deputado do Ano – Panorama

Depois de nove dias de votação pública estão encontrados os cinco finalistas da iniciativa Jovem Deputado do Ano lançada pelo Panorama. Foram milhares de votos que escolheram os cinco deputados de onde sairá o vencedor da iniciativa. O PSD com três deputados entre os cinco finalistas, é o partido com mais representantes, onde o CDS e o Bloco de Esquerda completam a lista.

Numa votação onde todos os deputados listados receberam pelo menos um voto, Pedro Pimpão, deputado do PSD eleito pelo circulo eleitoral de Leiria ficou em 1º lugar, com 30% dos votos, seguido por Carla Barros, também eleita pelo PSD mas pelo circulo eleitoral do Porto, com 12%. Em terceiro lugar, eleito por Lisboa, também ele social-democrata, ficou Sérgio Azevedo, com 10% dos votos, relegando assim Michael Seufert, do CDS, eleito pelo circulo do Porto com 9%. A fechar a lista de finalistas ficou a cabeça-de-lista do Bloco de Esquerda por Lisboa, Mariana Mortágua, com 8% dos votos validados.

Os finalistas

Pedro Pimpão

Pedro PimpãoCumpre o segundo mandato pelo PSD, eleito pelo circulo eleitoral de Leiria e tem actualmente 35 anos. Integrou na legislatura anterior (2001 a 2015) as comissões parlamentares de Orçamento, Finanças e Administração Pública; Agricultura e Mar; Educação, Ciência e Cultura e ainda a de Ambiente, Ordenamento do Território e Poder Local. Nesta legislatura integra as comissões de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias; Educação e Ciência e a de Cultura, Comunicação, Desporto e Juventude onde é coordenador do grupo parlamentar do PSD.

Advogado, actualmente a frequentar o mestrado em Ciência Politica e com três pós-graduações, encontrando-se também a frequentar uma especialização em direito do desporto. É presidente da concelhia do PSD de Pombal, concelho onde foi já vereador e onde é membro da Assembleia Municipal.

Carla Barros

Carla BarrosCumpre também o segundo mandato de deputada, eleita pelo PSD pelo circulo eleitoral do Porto e tem também 35 anos. Na legislatura anterior integrou as comissões parlamentares de Agricultura, Desenvolvimento Rural e Pescas; Obras Publicas, Transportes e Comunicações; Saúde; Trabalho, Segurança Social e Administração Pública, integrando ainda as comissões eventuais de inquérito à actuação do governo com a Fundação para as Comunicações Móveis e de análise às questões do recenseamento eleitoral. Neste mandato integra as comissões de Trabalho e Segurança Social e como suplente as de Agricultura e Mar e a de Economia, Inovação e Obras Públicas.

Licenciada em Gestão de Recursos Humanos e pós-graduada em Administração Pública – governo e autarquias locais e tem uma especialização em igualdade de género. Foi ainda directora do Centro de Emprego de Matosinhos.

Sérgio Azevedo

Sérgio AzevedoActualmente com 34 anos, Sérgio Azevedo foi eleito em Outubro para o seu segundo mandato como deputado pelo PSD e pelo circulo eleitoral de Lisboa. Integrou entre 2011 e 2015 as comissões parlamentares de Assuntos Europeus, Economia e Obras Públicas e a de Ética, Cidadania e Comunicação, onde foi coordenador do PSD. Integrou ainda a comissão parlamentar de inquérito às Parcerias Público-Privadas, tendo pedido ai a responsabilização do governo de Sócrates, no relatório do qual foi autor. Nesta legislatura integra as comissões de Defesa Nacional e dos Negócios Estrangeiros e Comunidades Portuguesas. Foi também o autor do relatório que autorizou o levantamento da imunidade ao ex-ministro Miguel Macedo.

Licenciado em Ciências da Comunicação e a frequentar o mestrado em Direito, Sérgio Azevedo é vice-presidente do grupo parlamentar do PSD e membro da Assembleia Municipal de Lisboa. Foi ainda Secretário-Geral do PSD Lisboa, presidente da distrital de Lisboa da JSD e vice-presidente da JSD entre 2002 e 2004.

Em Maio elogiou a actuação da PSP nos festejos do campeonato do Benfica no Marquês e pediu explicações à Ministra da Administração Interna sobre a agressão a um adepto benfiquista em Guimarães. Recentemente votou a favor da adopção por casais homossexuais, sendo um dos 17 deputados do PSD a fazê-lo.

Michael Seufert

Michael SeufertFoi deputado eleito pelo CDS no circulo eleitoral do Porto entre 2009 e 2011 e 2011 e 2015. Em Outubro, apesar de integrar as listas da coligação Portugal à Frente não foi eleito, tendo ficado em lugar não elegível. Apesar disso Paulo Portas disse recentemente que “o Micha (como é tratado pelos mais próximos) é um dos talentos do CDS). Integrou na última legislatura as comissões parlamentares de Orçamento, Finanças e Administração Publica e foi coordenador do CDS na comissão de Educação, Ciência e Cultura.

Foi guia turístico nas caves de vinho do Porto e frequenta a licenciatura com mestrado integrado em Engenharia Electrotécnica e de Computadores na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, faltando-lhe a tese para concluir os estudos e tem actualmente 32 anos. Foi presidente da Juventude Popular entre 2009 e 2011. No Parlamento esteve sempre ligado à área da educação, mas foi contra a Lei da Cópia Privada que mais batalhou nos últimos anos, tendo votado contra e sendo considerado um dos responsáveis pelo veto de Cavaco Silva a esta lei. Foi considerado em 2015 o terceiro politico português mais influente no Twitter.

Em 2015 foi o escolhido pelo CDS para proferir o discurso na sessão de comemoração do 25 de Abril, onde entre outros disse que “uma verdadeira revolução não tem dono”, acrescentando ainda que “se nos últimos quatro anos ouvimos de forma quase-habitual vozes que vinham reclamar a “pureza de Abril”, “os valores de Abril” ou chegaram até a apontar um dedo aos que, diziam eles, “traíam” Abril então é legítimo perguntar-lhes (não “aonde é que tu estavas no 25 de Abril”) mas “onde é que tu estavas quando Portugal foi conduzido à bancarrota?”. Nesta intervenção disse ainda agradecer “o legado da Democracia, há uma herança que, não posso deixar de dizer, eu bem dispensaria. A herança da dívida pública”, afirmando que “menos dívida é mais liberdade”.

Mariana Mortágua

Mariana MortáguaDeputada desde 2013, tendo sido até 2015 em substituição de Ana Drago, é protagonista de uma das histórias mais rápidas de ascensão parlamentar, tendo este ano liderado a lista do Bloco de Esquerda no circulo eleitoral de Lisboa. Na legislatura anterior integrou as comissões parlamentares de Orçamento, Finanças e Administração Pública; Economia e Obras Públicas, onde foi coordenadora do Bloco. Papel idêntico teve na comissão de inquérito ao caso Camarate.

Integrou ainda a comissão de acompanhamento da troika, bem como as comissões de inquérito às SWAPS  e à compra de equipamento militar, mas foi na comissão de inquérito ao BES que se destacou e conquistou maior mediatismo. Nesta legislatura integra a comissão de Orçamento, Finanças e Administração Pública. Integra a comissão politica do Bloco de Esquerda e é vice-presidente do grupo parlamentar.

Economista, actualmente com 29 anos, encontra-se actualmente a frequentar o doutoramento na sua área. Autora de inúmeros livros relacionados com a dívida publica e a austeridade, autoria que partilhou com Francisco Louçã. 2015 foi o ano da sua ascensão, surpreendendo pela forma como enfrentou Ricardo Salgado, que chegou a elogiá-la e Zeinal Bava. Em Maio disse em entrevista ao Panorama que “o PS não descola nas sondagens porque o PS não é de esquerda”.

Método de escolha

Após a votação pública para escolha dos cinco finalistas o vencedor será decidido pelo seguinte método:

1 voto da coordenação do Panorama

1 voto da redacção do Panorama

15 votos dos cronistas do Panorama

3 votos do painel de personalidades convidadas pelo Panorama

O vencedor da iniciativa será anunciado nos primeiros dias do mês de Janeiro.

Descomplicador:

Estão encontrados os cinco finalistas da iniciativa Jovem Deputado do Ano lançada pelo Panorama. Durante os próximos dias a coordenação, a redacção e os cronistas do Panorama irão votar no vencedor. Nesta votação participam também três personalidades convidadas pelo Panorama. Pedro Pimpão, Carla Barros, Sérgio Azevedo, Michael Seufert e Mariana Mortágua são os finalistas

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *