António Guterres só apoia o candidato presidencial do PS

António Guterres deu a primeira entrevista à RTP desde que deixou o cargo de Alto Comissário para os Refugiados das Nações Unidas. Existia alguma expectativa sobre a matéria das presidenciais, depois de circular o rumor de que poderia declarar o seu apoio a Maria de Belém. Tal acabou por não se verificar, uma situação que Maria de Belém disse “entender perfeitamente”.

António GuterresNa Grande Entrevista transmitida na Quarta-Feira na RTP3, António Guterres disse não pretender “criar problemas adicionais ao meu o partido”, remetendo assim o seu apoio para o dia em que o Partido Socialista se pronunciar sobre os candidatos presidenciais, o que acontecer será apenas numa segunda volta.

António Guterres salvaguarda que “tudo dependerá daquilo que o PS fizer” e que a sua obrigação é a de não “criar problemas nem gerar atenções para mim”. Quanto a uma candidatura sua à Presidência da Republica, Guterres colocou essa hipótese de parte.

O ex-Primeiro-Ministro português disse achar que “o Presidente da República é um arbitro e o que eu gosto mesmo é de jogar à bola”, salientando assim que não tem como objectivo concorrer a Belém nem de “voltar à vida politica activa em Portugal”.

Maria de Belém disse “entender” a tomada de posição de António Guterres, tendo afirmado ontem no debate com Vitorino Silva e Jorge Sequeira que se Guterres se tivesse candidato não teria avançado a Belém. Vitorino Silva tem a mesma opinião, classificando o ex-PM como um “humanista” que preencheria os desígnios de um bom Presidente da Republica.

Descomplicador:

António Guterres não declarou nenhum apoio à corrida a Belém dizendo que apoiará apenas o candidato que o Partido Socialista indicar. Maria de Belém diz entender a tomada de posição e acrescenta ainda que se o ex-Primeiro-Ministro se tivesse candidatado, não teria concorrido.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *