António Costa pede apoio para Belém e Nóvoa. Almeida Santos escolhe a primeira e César o segundo

O Secretário-Geral do Partido Socialista, António Costa pediu em Comissão Nacional do PS apoio para os candidatos da área socialista, António Sampaio da Nóvoa e Maria de Belém. O actual presidente do partido, Carlos César declarou entretanto o seu apoio a Sampaio da Nóvoa, enquanto Almeida Santos, presidente honorário está ao lado de Maria de Belém.

António CostaAntónio Costa disse aos militantes socialistas que “não é indiferente saber quem é o próximo Presidente da Republica”, pedindo assim aos socialistas que “se mobilizem e participem activamente na campanha eleitoral e, sobretudo, para que votem no próximo dia 24”, acrescentando que embora o PS não tenha feito “uma escolha, os socialistas têm feito as suas”.

O também Primeiro-Ministro disse aos militantes do PS que a primeira volta é uma espécie de “eleições primárias da esquerda portuguesa”, admitindo depois numa segunda volta que “uma concentração de votos é algo absolutamente fundamental”.

Na sua intervenção à Comissão Nacional do PS, António Costa deixou ainda críticas aos mandatos de Cavaco Silva pedindo aos dirigentes socialistas que imaginassem “como teria sido importante nestes últimos quatro anos, em que os portugueses sofreram uma crise tão profunda, poderem ter contado com um Presidente da República que lhes desse animo, carinho, esperança, confiança no futuro e que lhes fosse próximo”.

Carlos César apoia Sampaio da Nóvoa

Entretanto o actual presidente do Partido Socialista, Carlos César, declarou o seu apoio à candidatura de Sampaio da Nóvoa, dizendo que “a candidatura de Sampaio da Nóvoa tem a distância partidária útil e suficiente, e a proximidade política e estratégica com o PS mais conveniente para um voto consciente de um socialista em Portugal”.

Carlos César esteve sempre próximo de Sampaio da Nóvoa, mas defendeu a estratégia do PS, dizendo que “não podia ser conduzido um processo fratricida”, dentro do partido e que assim a melhor opção, “havendo dois candidatos da área do PS, Sampaio da Nóvoa e Maria de Belém” seria “deixar aos militantes e aos eleitores do PS a escolha livre”.

Almeida Santos ao lado de Maria de Belém

Horas depois de Carlos César declarar o seu apoio a Sampaio da Nóvoa, foi a vez de Almeida Santos, presidente honorário do PS, declarar o seu apoio a Maria de Belém. Na declaração enviada por Almeida Santos, o ex-presidente do partido diz que “Maria de Belém é uma mulher seríssima e está à altura de termos uma mulher Presidente da República” acrescentando que “gostaria muito que ela ganhasse as eleições”.

Recorde-se que em 2011 Maria de Belém sucedeu a Almeida Santos como presidente do Partido Socialista, quando José Sócrates deixou a liderança do PS e foi substituído por António José Seguro após a derrota nas eleições para Pedro Passos Coelho.

Descomplicador:

António Costa pediu em Comissão Nacional do PS que os militantes se envolvam nas candidaturas de Sampaio da Nóvoa e de Maria de Belém. Carlos César, actual presidente do partido declarou entretanto o seu apoio a Sampaio da Nóvoa, enquanto Almeida Santos, presidente honorário está ao lado de Maria de Belém.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *