Venezuela declara estado de emergência económica

O governo da Venezuela decretou estado de emergência económica durante um período de dois meses. A queda dos preços do petróleo está a dar a “machadada” final na economia venezuelana que necessita de encontrar outras fontes de financiamento. As medidas deste estado de emergência serão dadas a conhecer em breve.

Nicolas MaduroO estado de emergência económica tem como objectivo “proteger os direitos sociais da educação, saúde, habitação e desporto de todos os venezuelanos”. O El País adianta ainda que segundo a legislação venezuelana, o estado de emergência apenas pode ser declarado no caso de ocorrerem “situações objectivas de uma grande gravidade que tornem insuficientes os meios normais de que o estado dispõe para as enfrentar”, resultando isto na “restrição temporal das garantias constitucionais permitidas e a execução, seguimento, supervisão e inspecção das medidas que se adoptem”.

Alguns analistas estimam que a inflação tenha crescido mais de 200%, considerando que a economia actual está num “caos”, fruto da descida do preço do petróleo. Esta queda mais abrupta ocorreu especialmente depois da derrota de Nicolas Maduro nas urnas.

Este estado de emergência económica era já esperado há várias semanas e surge num momento de alta tensão politica em que o Parlamento, que já não é dominado por Maduro não vê as suas medidas reconhecidas pelo governo e pelo presidente, tendo recorrido já ao Supremo Tribunal de Justiça para tentar corrigir e normalizar a situação.

Descomplicador:

Nicolas Maduro decretou estado de emergência económica na Venezuela. A queda do preço do petróleo provocou o caos no país venezuelano que ainda por cima vive um momento de tensão politico, em que o Parlamento dominado pela oposição não vê reconhecidas por Maduro as suas iniciativas.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *