Costa assina contrato com o “melhor amigo” mas lamenta “dinheiro mal gasto”

O Primeiro-Ministro António Costa disse no Domingo em entrevista à TSF que o seu governo tinha já assinado um contrato com Diogo Lacerda Machado, respondendo assim às criticas, especialmente do PSD, que acusavam António Costa de falta de transparência na utilização deste “negociador” do executivo.

António CostaAntónio Costa referiu-se a Diogo Lacerda Machado como o seu “melhor amigo” que se tem “mostrado disponível para colaborar”, adiantando assim em entrevista à TSF que tinha já assinado um contrato com o advogado, respondendo dessa forma às acusações de falta de transparência. No entanto, António Costa considera que este é ” dinheiro que podia não ser gasto”, adiantando que Diogo Lacerda Machado “felizmente tem podido colaborar e continuará a colaborar, em diferentes dossiês onde a sua expertise negociar tem ajudado a resolver bastantes problemas”.

Diogo Lacerda Machado que é oficialmente administrador de uma empresa ligada a Stanley Ho, representou o governo português na renegociação da TAP, nos lesados do Grupo Espírito Santo e também no caso BPI. O PSD foi o partido que mais vezes tem referido o papel do “negociador” do governo, tendo já anunciado que pediu acesso ao contrato assinado entre o Estado e o advogado.

O Partido Social Democrata pediu também uma audição com Lacerda Machado na Comissão de Economia, que deverá ser marcada para o dia 27 de Abril, caso o governo responda atempadamente às questões colocadas pelo PSD. Segundo Leite Ramos, deputado do PSD, esta situação constitui “um grande desrespeito pelo parlamento e pelos portugueses”.

Entretanto, segundo avança o Observador, a Direcção Geral da Qualificação dos Trabalhadores Publicos aprovou a contratação de Diogo Lacerda Machado, tendo dito que “tendo sido recebido hoje, dia 11 de abril, o parecer favorável do INA, o procedimento de contratação está em condições de prosseguir a restante tramitação legal, que terminará com a assinatura do contrato e a sua publicitação no portal dos contratos públicos, no estrito cumprimento da lei”.

Descomplicador:

Diogo Lacerda Machado, o “melhor amigo” de António Costa, assinou recentemente um contrato com o Governo, depois do PSD ter acusado a representação do advogado de falta de transparência. António Costa disse em entrevista à TSF que este é “dinheiro que podia não ser gasto”.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *