Marcelo vai ao Montijo andar de C-130

Depois do acidente que vitimou três militares da Força Aérea no avião C-130, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa vai deslocar-se à Base Aérea do Montijo e voar num avião do mesmo tipo.

C130 Força AéreaO anúncio da visita foi feito pelo próprio Marcelo numa declaração aos jornalistas na missa de homenagem aos três militares que morreram. “Segunda-feira irei à Base Aérea do Montijo e terei oportunidade de saber o que entretanto terá sido indagado e dar uma palavra de confiança na Força Aérea, de confiança naquele tipo de aeronave. Eu próprio voarei num C-130 nesse dia”, disse.

Marcelo falou no “exemplo” dado pelos militares “ao terem mostrado o que é a condição militar, que é estar ao serviço do país com risco da própria vida”. Realçou ainda que vão estar “presentes na memória da Força Aérea, das Forças Armadas e do Comandante Supremo das Forças Armadas”.

Descomplicador:

Um acidente com um avião C-130 da Força Aérea vitimou três militares na segunda-feira. O avião incendiou-se antes mesmo de descolar e feriu outros quatro. É o primeiro acidente com vitimas mortais num avião militar deste tipo. Para prestar homenagem Marcelo vai viajar num equipamento idêntico passando também a mensagem de que os aviões se encontram em bom estado.

zmjgloth@clrmail.com'
Publicado por: Gonçalo Nuno Cabral

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *