Boris Johnson interrompe ligação à imprensa e perde 300 mil euros

O recém-nomeado Ministro dos Negócios Estrangeiros do Reino Unido, Boris Johnson, interrompeu a sua ligação ao The Daily Telegraph, onde era cronista depois de ter sido correspondente em Bruxelas e com isso perde também uma remuneração anual e 300 mil euros.

Boris JohnsonBoris Johnson escrevia uma crónica semanal para o The Daily Telegraph, um jornal ligado ao Partido Conservador, e com isso auferia 250 mil libras anuais, cerca de 300 mil euros. Johnson colaborava há 20 anos com o jornal, não interrompendo a colaboração mesmo quando foi Mayor de Londres, tendo o caso até dado polémica devido à remuneração.

Agora que ocupa um lugar no executivo de Theresa May, o Ministro dos Negócios Estrangeiros optou por pôr fim a uma ligação de duas décadas. Boris Johnson deverá manter a sua ligação à imprensa, mas sem receber por isso e falando sempre em nome da diplomacia britânica. Antes de ser cronistas do The Daily Telegraph, Johnson tinha sido correspondente do jornal em Bruxelas.

A par do fim da sua colaboração com o jornal, Boris Johnson suspendeu também a publicação de um livro que tinha contratualizado com a Hodder&Stoughton, pelo qual tinha recebido já 107 mil euros, o correspondente a 90 mil libras. O livro intitulado “Shakespeare: The Riddle of Genius” está agora suspenso, com a editora a garantir que não será editado “num futuro próximo”.

Descomplicador:

Boris Johnson, Ministro dos Negócios Estrangeiros do Reino Unido, interrompeu a sua ligação ao The Daily Telegraph, com o qual colaborava há duas décadas e pelo qual recebia cerca de 300 mil euros por ano. O ex-correspondente do jornal em Bruxelas deverá manter a sua ligação à imprensa apenas em nome da diplomacia britânica.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *