França mantém intenção de encerrar mesquitas e imãs

O Ministro do Interior francês, Bernardo Cazeneuve, reforçou a intenção do país em fechar as mesquitas extremistas e em expulsar imãs estrangeiros. Estas medidas integram a luta contra o terrorismo que está a ser levada a cabo em França e as medidas foram reforçadas após o encontro com o Conselho Francês do Culto Muçulmano.

Bernardo Cazeneuve“Não há lugar em França (…) para os que apelam ao ódio” disse Bernardo Cazeneuve à saída do encontro com o Conselho Francês do Culto Muçulmano, reafirmando as polémicas medidas do encerramento de mesquitas e da expulsão de imãs estrangeiros.

Até ao momento foram já encerradas “duas dezenas de mesquitas e espaços de oração e haverá outros, tendo em conta as informações de que dispomos”, disse o Ministro do Interior francês, que tem estado debaixo de polémica, devido às noticias que têm vindo a público sobre os relatórios policiais do atentado de Nice.

Foram também já formulados 80 pedidos de expulsão de imãs estrangeiros, “e outros estão a ser analisados”. O Ministério do Interior está também a finalizar o novo enquadramento do culto muçulmano no país. Um dos objectivos desse novo enquadramento é “garantir a plena transparência do financiamento das mesquitas”.

Está também a ser preparada a criação de um conselho teológico que integrem “teólogos de alto nível que, a partir de uma referência precisa, formem os imãs para que ensinem um islão (…) compatível com os valores da República”. Este conselho tem como objectivo pôr fim aos cultos radicais ministrados por alguns imãs.

Descomplicador:

Bernardo Cazeneuve, Ministro do Interior francês, reforçou a intenção de encerrar as mesquitas extremistas e de expulsar os imãs estrangeiros. O país vai ainda criar um conselho teológico para pôr fim aos cultos radicais.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *