Estudantes com licença já podem levar armas para universidades do Texas

Entrou em vigor ontem uma nova lei no estado do Texas, nos Estados Unidos da América, que permite aos estudantes que tiverem licença de porte de arma, levarem armas para a universidade. Curiosamente a lei entrou em vigor no dia em que se assinalaram 50 anos de um massacre que vitimou 14 pessoas.

Armas Estados Unidos da AméricaA lei apelidada de “campus carry”, permite desde ontem, Segunda-Feira, que aqueles que tenham autorização de porte de arma concedida pelo estado do Texas possam levá-las para a maioria das instalações universitárias. Esta licença apenas é possível para os maiores de 21 anos.

Esta lei entrou em vigor apenas para as universidades públicas do Texas, sendo que a maioria das universidade privadas acabou por não aceitar esta directiva. Apesar de ser possível transportar armas na Universidade do Texas, esta instituição foi uma das que mais se opôs à medida.

Os defensores da lei dizem que a posse de armas permite a defesa no caso da ocorrência de tiroteios, enquanto o outro lado do debate defende que esta lei é uma bomba relógio. Curiosamente a lei entrou em vigor quando se assinalam os 50 anos de um massacre que ocorreu nessa mesma Universidade do Texas, onde 14 pessoas foram mortas.

A 1 de Agosto de 1966, Charles Whitman, estudante a antigo militar, matou a mãe e a mulher e de seguida abriu fogo no campus universitário de Austin.

Descomplicador:

“Campus carry” é o nome da lei que foi aprovada no estado do Texas e que permite a quem tenha licença de porte de arma que a possa transportar nas universidades públicas da região. Curiosamente a lei entrou em vigor no dia em que assinalaram 50 anos sobre um massacre que vitimou 14 pessoas na Universidade do Texas.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *