José Eduardo Martins vai coordenar o programa do PSD na capital. Já “só” falta o candidato

O ex-Secretário de Estado do Desenvolvimento Regional de Pedro Santana Lopes, José Eduardo Martins, vai ser o coordenador do programa eleitoral do PSD para Lisboa. José Eduardo Martins tem sido um dos grandes críticos da liderança de Pedro Passos Coelho, tendo sido também um dos nomes “aflorados” para se candidatar à autarquia da capital. Embora noutro papel, o advogado vai participar nas autárquicas 2017 na capital.

jose-eduardo-martins-psd

À TSF, José Eduardo Martins afasta assim a hipótese de ser candidato à autarquia da capital, acrescentando no entanto que está “muito contente por poder dar uma ajuda ao meu partido e à minha cidade”, lançando já a primeira critica ao CDS ao dizer que “seria pouco assisado avançar com uma candidatura que não tivesse mais que a água do Tejo colada à alma”, numa clara referência ao discurso de Assunção Cristas.

Segundo diz o Expresso, o programa tem data de conclusão prevista para 31 de Março, sendo que na Segunda-feira, dia 3 de Outubro será lançada a plataforma lisboacomfuturo.pt. O presidente da concelhia de Lisboa dos sociais-democratas segue aliás a lógica de José Eduardo Martins, ao dizer que este é “o tempo de discutir ideias e políticas para o futuro da capital de uma forma séria, construtiva e profunda, enquanto outros procuram distrair os lisboetas com obras de fachada e discursos demagógicos”.

Para José Eduardo Martins, o nome do candidato é “com certeza importante, porque é mobilizador, é o executor do programa, mas acho difícil que, num partido, seja um nome que refaz o programa sempre que há uma candidatura. É importante que os lisboetas saibam que o PSD de Lisboa quer na cidade a 10 anos isto e a 20 anos aquilo, que projeta uma cidade onde ainda há muito a desejar”.

O nome de José Eduardo Martins para coordenador do programa eleitoral do PSD para Lisboa foi “denunciado” pela plataforma que será lançada na Segunda-Feira, que foi aberta ao público por engano. No texto publicado por José Eduardo Martins nesse site, o advogado e membro do PSD diz que Lisboa “não pode continuar a confundir-se obra bem planificada com ruas e praças transformadas num estaleiro perpétuo em função dos calendários eleitorais“. 

Descomplicador:

José Eduardo Martins, ex-Secretário de Estado de um executivo de Santana Lopes, foi o escolhido pelo PSD de Lisboa para coordenar a construção do programa eleitoral dos sociais-democratas em Lisboa. O facto de ter aceite este papel afasta-o já de uma possível candidatura à Câmara da capital.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *