Vogue quebra tradição e declara apoio a Hillary

Hillary ClintonSe há coisa em que estas eleições nos Estados Unidos da América estão a ser produtivas é no quebrar de tradições. Na comunicação social, vários são os órgãos que ao longo dos últimos meses têm surpreendido assumindo-se apoiantes de Hillary Clinton. Desta vez foi a popular revista Vogue, dirigida pela também popular Anna Wintour que optou por não ser imparcial e a uma só voz declarar apoio à candidata democrata.

 

“A Vogue não tem historial de apoios políticos. Chefes de redação já expressaram as suas opiniões, de quando em quando, mas a revista nunca falou a uma só voz. Tendo em conta tudo que está em jogo desta vez, e a História que está por ser escrita, nós sentimos que isso deveria mudar” disse a diretora Anna Wintour num artigo publicado esta Quarta-Feira. Wintour é chefe de redacção da Vogue desde 1988.

A revista de moda e lifestyle quebra assim a sua tradição de imparcialidade nestas eleições ao declarar o seu apoio à candidata do Partido Democrata. A revista publicou já perfis de Hillary por seis ocasiões, apontando a defesa da emigração e das politicas sociais como as suas principais características.

“Nós compreendemos que Clinton pode não ter sido sempre a candidata perfeita. Contudo, a sua apurada inteligência e considerável experiência são refletidas nas políticas que são claras, sonoras e esperançosas” diz o editorial assinado por Wintour, para justificar o apoio a Hillary. A chefe de redação da Vogue diz ainda que “já é tempo dos Estados Unidos da América terem uma Senhora Presidente”.

Descomplicador:

A revista norte-americana Vogue quebrou a tradição de permanecer imparcial nas eleições dos Estados Unidos da América e declarou o seu apoio a Hillary Clinton. A chefe de redação, Anna Wintour, diz, entre outros, que já está na altura dos Estados Unidos terem uma “Senhora Presidente”.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *