PSD recupera corrida entre um burro e um Ferrari. PAN e Animal mostram-se contra

O Partido Social Democrata de Lisboa vai recuperar uma iniciativa levada a cabo por António Costa em 1993 ao promover uma nova “corrida” entre um burro e um Ferrari no trânsito de Lisboa. As novidades face à iniciativa de Costa é que desta vez o objectivo é mostrar o caos do trânsito em Lisboa e o Pessoas-Animais-Natureza (PAN) e a associação Animal, mostraram-se já contra a acção de campanha.

António Costa Burro

O PSD de Lisboa vai promover a iniciativa na Sexta-Feira, 4 de Novembro, pelas 8h45 na Alameda da Universidade até ao Saldanha, procurando também homanagear o “costismo”, numa iniciativa que António Costa reconheceu que foi “uma das mais enriquecedoras experiências políticas”. O objectivo é mostrar o caos em que Fernando Medina transformou o trânsito na capital com as obras que tem levado a cabo.

Em 1993, António Costa promoveu uma corrida entre um burro e um Ferrari aquando da sua candidatura à Câmara Municipal de Loures, que veio a perder, para demonstrar a importância do metro chegar a Odivelas. Na altura, o burro ganhou a corrida e a CDU acabou por ganhar a Câmara.

Para além do objectivo e do percurso serem diferentes face à iniciativa de António Costa, os opositores são também outros. O PAN e a associação Animal vieram já manifestar-se publicamente contra a iniciativa, concretamente contra a utilização de um animal na acção de campanha. Rita Silva, da Animal, diz ao P3 do Público que “não só não é algo razoável e que só serve para ridicularizar o animal em questão, mas também pode chegar ao nível da ilegalidade”.

Descomplicador:

O PSD Lisboa vai recuperar a corrida entre um burro e um Ferrari na cidade de Lisboa, para demonstrar o caos que as obras em Lisboa estão a provocar no trânsito. O PAN e a associação Animal já vieram criticar publicamente a iniciativa.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *