Santos Silva admite que Trump pode dar novas condições às negociações sobre as Lajes

O Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, disse ao Expresso que a entrada em funções da administração de Donald Trump pode dar novos contornos às negociações sobre o futuro da Base das Lajes, na Ilha Terceira, Açores.

Augusto Santos Silva

“Com uma nova administração há novas condições — não estou a dizer que melhores condições do que com uma administração Clinton — para examinar as Lajes e os Açores nos três planos em que temos vindo a considerá-los”, disse o responsável pelos Negócios Estrangeiros ao semanário Expresso.

Ainda assim, Augusto Santos Silva não acredita que existam grandes alterações no que toca à redução do efectivo de militares presentes, tendo em conta que essa foi “uma decisão muito tomada no interior do Pentágono”, acreditando que a existir alterações será sobre a utilização da base, que pode até funcionar como centro de investigação.

Os responsáveis portugueses e a administração de Obama ainda vão reunir antes da tomada de posse de Donald Trump, mas “só com uma nova administração é que haverá passos para uma decisão mais conclusiva”, adiantando ainda que a plataforma científica ficará “tecnicamente muito pormenorizada” para que a próxima administração apenas tenha que a aplicar.

Descomplicador:

Augusto Santos Silva considera que “com uma nova administração há novas condições” no que toca ao futuro da Base das Lajes, não tendo no entanto expectativas quanto a um aumento do efectivo.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *