Segurança de Trump custa um milhão por dia

Donald Trump ainda não tomou oficialmente posse como presidente dos Estados Unidos da América, mas há vários meses que é protegido pelos Serviços Secretos e pela policia local norte-americanos. O custo estimado da segurança pessoal de Donald Trump por dia é de cerca de um milhão de euros. A factura é suportada por Nova Iorque.

Donald Trump

Com Donald Trump a ter a sua sede de trabalho na 5ª Avenida, em Nova Iorque, a policia local também tem que garantir a segurança ao presidente eleito e à família, uma despesa que ronda o milhão de euros por dia. Neste caso, os Serviços Secretos são responsáveis pela segurança privada do presidente eleito, enquanto a policia local é responsável pelo controlo da multidão.

Apesar de agora ter como local de trabalho a Casa Branca, Nova Iorque continuará a “pagar a factura” porque a Primeira-Dama, Melania Trump e o filho mais novo de Donald vão continuar na Trump Tower enquanto Brandon não concluir o ano escolar.

Apesar de ir requerer ajuda do governo para pagar as horas extra aos agentes municipais, o “mayor” da cidade, Bill de Blasio, disse que “aqui a segurança é um imperativo. Devemos isso aos presidentes eleitos, às suas famílias e à equipa que com eles trabalham”.

Descomplicador:

A segurança de Donald Trump está a sair cara a Nova Iorque, que tem alocado vários agentes para garantir o controlo da multidão nas deslocações do presidente eleito.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *