Marco Almeida reconcilia-se com o PSD e é o candidato a Sintra

Depois de em 2013 ter concorrido como independente contra o seu partido, em 2017, Marco Almeida vai ser o candidato do PSD à Câmara Municipal de Sintra. A Comissão Politica Distrital aprovou já o apoio à candidatura do líder do movimento “Sintrenses com Marco Almeida”.

Marco Almeida Sintra PSD

Em 2013 o nome escolhido pelo PSD tinha sido o de Pedro Pinto, que não conseguiu eleger-se como vereador. Já Marco Almeida, apesar da derrota para Basílio Horta, que concorreu pelo Partido Socialista, conseguiu eleger quatro vereadores e conquistar ainda quatro juntas de freguesia no concelho de Sintra. Marco Almeida teve o dobro dos votos do PSD tendo ficado muito perto da vitória.

Quatro anos depois, a distrital do PSD liderada por Miguel Pinto Luz declara o seu apoio a Marco Almeida, tornando-o assim o candidato oficial do partido a um concelho essencial na estratégia das autárquicas do próximo ano. Antes do apoio do PSD, a JSD de Sintra tinha já emitido uma nota no final de Agosto onde declarava o seu apoio a Marco Almeida, considerando-o “um candidato que respire Sintra, que conheça a sua realidade e as dinâmicas do concelho”.

Marco Almeida assinalou num jantar o 4º aniversário do movimentos “Sintrenses com Marco Almeida”, tendo anunciado ontem a sua candidatura à Câmara de Sintra em 2017, numa sessão que contou com a presença de António Capucho, Carmona Rodrigues, Ribeiro e Castro, o presidente da distrital do PSD e de António Lamas.

Descomplicador:

O independente Marco Almeida “reconciliou-se” com o PSD e será o candidato oficial do partido à Câmara de Sintra, nas autárquicas de 2017. Depois de em 2013 ter concorrido como independente e de ter tido o dobro dos votos do PSD, os sociais-democratas apostam agora em Marco Almeida para recuperar um concelho considerado importante na estratégia da autárquicas 2017.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Existem 2 comentários a este artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *