Mário Soares: o guia para prestar uma última homenagem

Mário Soares faleceu ontem à tarde, com 92 anos de idade, no Hospital da Cruz Vermelha, em Lisboa. O Governo decretou três dias de luto nacional: Segunda, Terça e Quarta-Feira e o funeral será com honras de Estado. O Panorama mostra-lhe como prestar uma última homenagem ao ex-Presidente da República.

António Costa não demorou muito para decretar três dias de luto nacional e atribuir honras de Estado ao funeral de Mário Soares. Assim, cada embaixada portuguesa terá à disposição um livro de condolências, para além da bandeira ter que ser hasteada a meia-haste, recebendo ainda honras militares no decorrer da cerimónia fúnebre. Alguns eventos festivos, especialmente em Lisboa, foram também cancelados.

O Cortejo fúnebre

O corpo de Mário Soares passou o dia a ser preparado, partindo na Segunda-Feira da sua residência no Campo Grande, que se encontra sob escolta da PSP e onde têm sido depositadas algumas rosas à porta, símbolo do Partido Socialista. O cortejo parte assim do Campo Grande às 11h, depois de um momento apenas para familiares e amigos próximos, seguindo pela Saldanha, Avenida Fontes Pereira de Melo, Marquês de Pombal, Avenida da Liberdade, Rossio, Rua Áurea e com uma primeira paragem na Câmara Municipal de Lisboa.

Na Praça do Município o corpo de Mário Soares será colocado numa charrete cerimonial, onde segue com escolta a cavalo da Guarda Nacional Republicana pela Avenida 24 de Julho até chegar ao Mosteiro dos Jerónimos, em Belém. Nos Jerónimos, o corpo estará em câmara ardente das 13h à meia-noite e na Terça-Feira, das 8h às 11h.

Na Terça-Feira, a partir das 14h dá-se inicio ao percurso até ao Cemitério dos Prazeres. A primeira paragem será no Palácio de Belém, seguindo depois pela Avenida da Índia, pela 24 de Julho e pela Avenida D.Carlos I até chegar à Assembleia da República/Fundação Mário Soares. O corpo do ex-Presidente da República segue depois até ao Largo do Rato, onde está a sede do Partido Socialista, continuando depois pela Avenida Álvares Cabral, Rua Domingues Sequeira e Rua Saraiva de Carvalho até ao Cemitério dos Prazeres. O funeral tem inicio marcado para as 15h30.

Condicionamentos no trânsito

Com este cortejo fúnebre, o trânsito estará condicionado na cidade de Lisboa durante os dias de Segunda e Terça-Feira, tendo a PSP pedido já a compreensão da população. Assim, na Segunda-Feira, entre as 10h30 e as 13h é de esperar condicionamento do trânsito nas zonas do cortejo, bem como na Terça-Feira, entre as 13h e as 16h.

A Policia de Segurança Pública pede ainda à população que utilize sobretudo os transportes públicos e que tenha cuidado ao estacionar via pública, por forma a não bloquear a passagem de veículos de emergência. O estacionamento está também proibido junto à Praça do Município, junto ao Mosteiro dos Jerónimos e na Praça São João Bosco.

Cerimónias fúnebres

As cerimónias fúnebres terão vários momentos abertos a toda a população, mas também momentos apenas para familiares e amigos mais chegados. No Mosteiro dos Jerónimos, a sessão solene realiza-se na Terça-Feira às 13h, onde irão intervir os filhos, João e Isabel Soares, o Primeiro-Ministro, António Costa, através de video-chamada, o presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues e o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Na cerimónia estarão presentes as mais altas individualidades portuguesas e estrangeiras, estando já confirmada a presença do presidente do Brasil, Michel Temer. O Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva deixou a comitiva do Governo na Índia, para liderar o acolhimento a individualidades estrangeiras nas cerimónias.

A família de Mário Soares pediu proximidade às pessoas no decorrer das cerimónias fúnebres, com o executivo a apelar à participação da população portuguesa. José Manuel Santos, assessor de Mário Soares sublinhou que o objectivo é que as cerimónias “tenham aquele toque, aquele carácter, que Mário Soares dava, mesmo quando tinha funções de Estado, de proximidade às pessoas”.

Livros de condolências

Para quem não conseguir marcar presença nas cerimónias fúnebres, a sede nacional do PS, no Largo do Rato, está aberta para que os militantes e simpatizantes possam assinar o livro de condolências. Milhares de pessoas têm passado pelo local, entre eles, Catarina Martins, líder do Bloco de Esquerda e Pedro Passos Coelho, presidente do PSD. Outras sedes locais do PS têm também à disposição livros de condolências, como por exemplo no distrito do Porto.

No site oficial do Partido Socialista existe também a possibilidade de assinar online um livro de condolências, para os que não se conseguirem deslocar pessoalmente. O livro de condolências online está disponível AQUI.

Mário Soares no Panteão Nacional?

O ex-Presidente da República é certamente um dos nomes que será falado para ser trasladado para o Panteão Nacional, no entanto, uma nova lei aprovada em Maio estabelece que só podem ser trasladados corpos para o Panteão, 20 anos após a morte.

Com este novo diploma, Mário Soares apenas poderá ir para o Panteão Nacional em 2037. Na altura da promulgação da lei, Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou esta distância temporal, mas acabou por assinar o decreto, devido ao “voto unânime da Assembleia da República”.

O futebolista Eusébio foi a última personalidade a ser trasladada antes da entrada do diploma, tendo decorrido apenas um ano após a sua morte. Apesar da distância de 20 anos, a partir de 2022 pode ser instalada uma lápide em memória de Mário Soares na Igreja de Santa Engrácia, onde está localizado o Panteão Nacional.

Descomplicador:

As cerimónias fúnebres de Mário Soares decorrem Segunda e Terça-Feira, com o luto nacional a prolongar-se até Quarta-Feira. O “grosso” das cerimónias decorrem no Mosteiro dos Jerónimos.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Existem 2 comentários a este artigo
  1. mariavalegoncalves@icloud.com'
    Marie de Vitto at 14:53

    Muito obrigado Mário Soares pelo seu amor á Liberdade,Democracia e a Portugal!
    Fui uma grande admiradora da sua Bonomia!

  2. mariaalmeidasantos@hotmail.com'
    Maria Santos at 13:54

    ninguém é realmente detentor da verdade e a tolerância é realmente o maior valor humano obrigada pela sua coragem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *