Trump comprou mais de 3600 endereços para evitar danos de imagem

Donald Trump era antes de ser presidente dos Estados Unidos da América, um magnata e empresário, que estava já habituado a ter que proteger a sua imagem. Com o surgimento da internet, essa preocupação aumentou de nível e actualmente Trump tem mais de 3600 domínios de internet registados, para evitar que outros o façam e os possam utilizar indevidamente.

 

Segundo a CNN, entre os mais de 3600 domínios estão muitos ligados às suas áreas de negócio, sobretudo para evitar que sejam utilizadas outras extensões, mas também muitos para se precaver de utilizações indevidas como trumpponzischeme.com, trumpsucks.com, entre outros.

Este tipo de estratégia é utilizado não só por personalidades, mas também por várias organizações, para evitarem que pessoas com o objectivo de denegrir o nome utilizem os endereços de internet disponíveis por poucos euros.

Segundo os especialistas, adquirir previamente estes domínios sai mais barato do que os gastos que Trump teria para limpar a má imagem devido à utilização dos mesmos por terceiros. Donald Trump tem tido um relacionamento nem sempre fácil com os meios de comunicação digitais, optando muitas das vezes por manter as suas contas pessoais e não os perfis institucionais do cargo que agora desempenha.

Descomplicador:

Donald Trump tem adquirido ao longo dos anos vários milhares de domínios com o seu nome, para evitar que terceiros os adquiram por poucos euros e causem danos à sua imagem. Segundo os especialistas esta é a estratégia mais acertada.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *