Visita de António Costa a Angola em risco

O Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, tem procurado passar a mensagem de que o cancelamento da visita de Francisca Van Dunen a Angola não beliscou a relação entre os dois países, mas o semanário Expresso dá conta de que a visita de António Costa pode estar em risco.

Segundo avança o Expresso, o processo aberto contra Manuel Vicente beliscou a relação entre os dois países e em Luanda começa a falar-se da falta de clima político para a visita do Primeiro-Ministro português, António Costa, que tem andado a ser preparada há meses.

Enquanto o Ministério dos Negócios Estrangeiros de Portugal mantém oficialmente o discurso de que a visita de António Costa continua a ser preparada regularmente, em Angola o discurso é outro. O Ministério das Relações Exteriores de Angola diz que o processo aberto a Manuel Vicente constituiu um “sério ataque à República de Angola, susceptível de perturbar as relações entre os dois Estados”.

Em Portugal, os órgãos diplomáticos estão assim à espera de uma tomada de posição oficial por parte das autoridades angolanas, discutindo-se já se não seria mais vantajoso para António Costa visitar Angola após as eleições, falando aí com um executivo em plenitude de funções e muito possivelmente liderado por João Lourenço.

Descomplicador:

O Ministério dos Negócios Estrangeiros dá conta de que a visita de António Costa a Angola continua a ser preparada, mas os angolanos admitem que o processo a Manuel Vicente pode beliscar a relação entre os dois países.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *