Secretário de Estado confronta Dijsselbloem

O Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Ricardo Mourinho Félix, confrontou hoje Jeroen Dijsselbloem, quanto às suas declarações sobre os países resgatados. A conversa decorreu de forma informal antes do inicio da reunião do Eurogrupo.

Ricardo Mourinho Félix aproveitou o momento em que o líder do Eurogrupo cumprimentava os responsáveis das finanças para dar conta do “choque” com que Portugal ouviu as suas declarações. Mourinho Félix disse que as declarações foram chocantes e exigiu um pedido de desculpas aos ministros e através da imprensa.

Também o Ministro das Finanças de Espanha tinha manifestado o seu desagrado com as declarações de Dijsselbloem, ao considerá-las “desadequadas, em termos de conteúdo e forma”, pedindo “uma explicação” ao ministro holandês.

Apesar da abordagem de Ricardo Mourinho Félix, Jeroen Dijsselbloem disse que em breve vai falar sobre as polémicas declarações que fez sobre os países resgatados, mas disse ainda que “não vai exigir um pedido de desculpas”.

Descomplicador:

O Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Ricardo Mourinho Félix, confrontou Jeroen Dijsselbloem com as suas declarações sobre os países resgatados.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *