Manuel Valls vai ser candidato pelo movimento de Macron

O ex-Primeiro-Ministro francês, Manuel Valls, vai ser candidato às eleições legislativas de França pelo movimento liderado por Emanuel Macron. Apesar de ter tentado ser candidato pelo Partido Socialista às presidenciais, Manuel Valls declarou mais tarde o seu apoio a Macron e agora vai mesmo assumir uma candidatura pelo movimento liderado pelo recém-eleito presidente francês.

Manuel Valls diz que o Partido Socialista está “morto” e confirmou que vai ser candidato pelo partido Republique en Marche, criado por Emanuel Macron, que venceu as presidenciais com o movimento “En Marche”.

“Eu serei candidato da maioria presidencial e gostaria de me inscrever neste movimento”, disse Manuel Valls à RTL, confirmando assim a sua disponibilidade. O movimento de Macron tinha já aberto a porta a Manuel Valls, vendo com bons olhos o seu apoio ao movimento.

Para o ex-Primeiro-Ministro, apesar de o PS estar “morto, os valores estão vivos”, levando assim com que Valls queira manter uma participação politica activa. Valls espera assim ser integrado nas listas de Macron, que depois das eleições terá que escolher um Primeiro-Ministro oriundo das suas listas.

Descomplicador:

Manuel Valls, ex-Primeiro-Ministro francês, vai ser candidato pelo partido criado por Emanuel Macron para as legislativas. O ex-PM diz que o Partido Socialista francês está “morto”, mas que “os seus valores estão vivos”, apoiando assim Macron.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *