“Traves-mestras” do Orçamento devem estar resolvidas antes das autárquicas

A líder do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, acredita que as “traves-mestras” da negociação do Orçamento do Estado com o Partido Socialista estarão resolvidas bem antes das eleições autárquicas, agendadas para o dia 1 de Outubro.

“O BE é da opinião que as traves-mestras do Orçamento do Estado até podem ser acordadas bem antes dessa data [das eleições autárquicas], e devem ser”, disse Catarina Martins, em declarações à Agência Lusa.

A coordenadora bloquista recordou ainda que não concorda com algumas das metas apresentadas pelo executivo em Bruxelas e que “está na altura também de fazer outro trabalho com o Parlamento para fazer um Orçamento que possa responder às posições conjuntas”, firmadas com o BE e com a CDU.

À margem de uma visita a uma escola em Vialonga, Vila Franca de Xira, Catarina Martins relembrou que para o Bloco de Esquerda as prioridades para o Orçamento de 2018 são os “salários, pensões e o investimento no Estado social”, com a educação e a saúde a adquirirem um protagonismo particular.

Descomplicador:

À margem de uma visita a uma escola em Vialonga, Catarina Martins, líder do Bloco de Esquerda, disse acreditar que o executivo e os parceiros parlamentares podem chegar a acordo sobre o Orçamento do Estado bem antes das eleições autárquicas agendadas para 1 de Outubro.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *