Secretas: Pereira Gomes afasta-se e Teresa Morais chumbada no Parlamento

A reorganização das secretas portuguesas não se afigura fácil. O Embaixador Pereira Gomes comunicou esta tarde o seu afastamento ao Primeiro-Ministro, António Costa, enquanto o nome de Teresa Morais foi chumbado no Parlamento, para presidir à fiscalização.

“Importando salvaguardar a dignidade do cargo de secretário-seral do Sistema de Informações da República Portuguesa (SIRP) de toda e qualquer polémica, que naturalmente se repercutiria negativamente no exercício das suas funções, resolvi comunicar a S. Exa. o primeiro-ministro a minha indisponibilidade para aceitar o cargo para que me havia convidado, agradecendo-lhe a confiança em mim depositada”, comunicou Pereira Gomes a António Costa esta tarde, numa carta divulgada pelo gabinete do Primeiro-Ministro.

O Embaixador português em Estocolmo reitera no entanto a defesa da sua actuação em Timor-Leste, que motivou toda a polémica à volta do seu nome, em especial após as opiniões de Ana Gomes, eurodeputada e do jornalista Luciano Alvarez, que acompanharam de perto o processo.

Por outro lado, a Assembleia da República chumbou hoje o nome da deputada do PSD, Teresa Morais, para presidir à fiscalização das secretas. A deputada social-democrata ficou a 30 votos da eleição, para a qual era necessários dois terços do Parlamento. Apesar dos elogios de que foi alvo na comissão parlamentar, o presidente do PS, Carlos César, tinha já avançado que Teresa Morais “não tinha o perfil indicado” para o lugar.

Descomplicador:

Pereira Gomes afastou-se do processo de liderança das secretas, numa carta enviada ao Primeiro-Ministro, António Costa. Enquanto isso, o nome de Teresa Morais, deputada do PSD, foi chumbado no Parlamento, para liderar a fiscalização das Secretas.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *