Eleições no Reino Unido: as capas dos jornais

Após um acto eleitoral onde os resultados dificultam os cenários futuros, uma das melhores formas de tomar o pulso à reacção do país onde decorreu o acto eleitoral é olhar para a capa dos principais jornais no dia seguinte. O Panorama reúne assim um “apanhado” dos principais títulos.

The Times:

O The Times destaca a derrota de Theresa May, com a perda da maioria absoluta. “May’s big gamble fails”, refere assim a aposta que não resultou por parte da líder dos conservadores, numa edição fechada quando ainda só existiam cenários finais baseados em projecções.

 

The Guardian:

O The Guardian destaca o “choque” que as projecções representaram para Theresa May, apresentando na imagem de capa uma foto com o líder dos Trabalhistas, Jeremy Corbyn. O The Guardian destaca ainda os, apontados, 34 lugares conquistados pelo Labour.

The Daily Telegraph:

“Hung parliament”. O The Daily Telegraph foi um dos dois grandes jornais britânicos que colocou a expressão “hung parliament” em destaque, apontando à partida a “confusão” em que pode ficar a vida politica no Reino Unido.

Descomplicador:

Os grandes diários britânicos assinalaram todos a derrota de Theresa May, pela perda da maioria absoluta, com o The Daily Telegraph a ter abordado logo a questão do “hung parliament”, onde um partido não assegura a maioria e necessita de acordos para governar.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *