Pizarro insiste na Agência Europeia do Medicamento, mas Moreira cita declarações de Costa

O vereador socialista na Câmara do Porto, Manuel Pizarro, pediu ao executivo que crie uma comissão de trabalho para trazer para o Porto a Agência Europeia do Medicamento. Rui Moreira mostrou-se disponível caso o Primeiro-Ministro, António Costa, reveja as suas declarações sobre a matéria.

Com a apresentação desta proposta, Rui Moreira informou os vereadores de que recebeu uma carta de António Costa a questões colocadas no inicio de Maio e onde o Primeiro-Ministro justifica a candidatura de cidade de Lisboa com dois motivos: a existência do Infarmed (congénere nacional) em Lisboa e a possibilidade de criação de uma escola europeia, devido ao número de agências na cidade.

Rui Moreira considera no entanto que é “uma fraqueza da candidatura nacional [candidatar Lisboa], já que, exceptuando Bruxelas, nenhuma outra cidade possui três agências europeias”, acrescentando ainda que “é raro haver coincidência entre a localização das escolas europeias e as agências. Muito menos é normal encontrar escolas europeias em capitais”.

No entanto, o líder do executivo do Porto mostrou-se disponível para votar a criação da comissão de trabalho caso António Costa volte atrás com a palavra, pedindo ainda a Manuel Pizarro que intervenha junto do Primeiro-Ministro para criar a abertura necessária à candidatura do Porto.

Descomplicador:

O vereador do PS no Porto, Manuel Pizarro, sugeriu a criação de uma comissão de trabalho para preparar a candidatura do Porto à Agência Europeia do Medicamento, mas Rui Moreira apenas está disposto a fazê-lo quando António Costa voltar atrás na palavra.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *