PSD, CDS e Bloco unidos pelas cativações

As cativações estão a ser a pedra no sapato nas relações entre o Governo e os parceiros de esquerda. Este ano, a direita pode aliar-se ao Bloco de Esquerda, para pressionar o executivo quanto a este tema. Os partidos da oposição querem que as cativações sejam dadas a conhecer de forma antecipada.

 

PSD, CDS e Bloco de Esquerda querem que as cativações no Orçamento do Estado para 2018 sejam dadas a conhecer antecipadamente, segundo avança o Público. O jornal adianta ainda que caso o Governo não ceda, os partidos irão juntar-se na especialidade para forçar Mário Centeno a alterar esta medida.

É consensual no Parlamento, com excepção do Partido Socialista, de que existiu um exagero de cativações durante o ano de 2017, uma questão que tem sido aflorada pelo PSD para justificar o desinvestimento em serviços públicos.

Segundo o deputado social-democrata Duarte Pacheco, ao Público, “sempre dissemos que havia um problema de transparência e que o volume de cativações, o dobro das de 2015, foi uma opção política”. Ainda assim, o PS parece estar disposto a rever esta iniciativa, embora não tenha ainda uma solução estudada para o caso.

Descomplicador:

PSD, CDS e Bloco de Esquerda podem juntar-se para combater a questão das cativações no Orçamento do Estado para 2018. Este é um tema consensual entre todos os partidos, com excepção do Partido Socialista. A CDU poderá juntar-se ao PSD, BE e CDS na especialidade, para forçar Mário Centeno a ceder nesta matéria.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *