Passos Coelho deixa Parlamento depois de eleição do sucessor

Retirada é retirada. Pedro Passos Coelho vai sair do Parlamento assim que estiver eleito o seu sucessor no Partido Social Democrata. Passos Coelho não será uma sombra do próximo líder no Parlamento, renunciando assim ao seu mandato.

Com esta decisão, tendo em conta os nomes que têm sido falados para a liderança dos sociais-democratas (Rui Rio e Pedro Santana Lopes), o PSD pode não ter o seu próximo líder na Assembleia da República, tal como aconteceu na fase inicial de Pedro Passos Coelho.

Quando foi eleito presidente dos sociais-democratas, Passos Coelho não tinha sido integrado nas listas para a Assembleia da República, numa desavença com Manuela Ferreira Leite, que afastou também Miguel Relvas.

Já depois de anunciar a sua saída da liderança do PSD, Pedro Passos Coelho deu espaço a outras figuras do partido. No debate quinzenal foi o líder parlamentar, Hugo Soares, que assumiu “as despesas” do debate com António Costa, enquanto nas comemorações do 5 de Outubro foi o Secretário-Geral, Matos Rosa, a falar à imprensa.

Descomplicador:

Pedro Passos Coelho vai abandonar o Parlamento assim que o seu sucessor estiver eleito no PSD. Quando conquistou a liderança dos sociais-democratas, Passos Coelho também não tinha integrado as listas para a Assembleia da República, numa polémica com Manuela Ferreira Leite, que envolveu também Miguel Relvas.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *