Líderes catalães presos por encorajamento de protestos

Jórdi Sanchez, líder da Assembleia Nacional da Catalinha e Jórdi Cuixart, líder da Òmnium, foram detidos por encorajamento aos protestos dos dias 20 e 21 de Setembro, que tiveram como objectivo bloquear a tarefa das autoridades para impedir o referendo de 1 de Outubro.

A juíza considerou os dois líderes, os “principais promotores e líderes dos protestos de 20 e 21 de Setembro”, tendo ainda em conta que Sanchez optou por não falar e Cuixart respondeu apenas às questões do seu advogado, que salientou a “ordem pacifica” dos protestos.

Nos dias 20 e 21 de Setembro, mais de 40 mil pessoas foram convocadas através das redes sociais para um protesto em frente ao Ministério da Economia, onde foram detidas 11 pessoas que estariam a trabalhar na preparação do referendo de 1 de Outubro.

A juíza considerou assim que estes protestos prejudicaram e dificultaram as diligências judiciais, embora não as tivessem impedido. “Os protestos de 20 e 21 de Setembro não constituíram um protesto de cidadãos isolado, casual ou convocado pacificamente em desacordo com algumas actuações policiais. Pelo contrário, estas mobilizações enquadram-se numa complexa estratégia para executar a rota desenhada para obter a independência da Catalunha”, considerou a juíza.

Carlos Puigdemont, presidente da Generalitat, reagiu já as detenções, que considera serem uma “provocação de Madrid”, considerando Sanchez e Cuixart dois “presos políticos”.

Descomplicador:

Jórdi Sanchez e Jórdi Cuixart, são dois líderes catalães e foram detidos por terem sido os percursores dos protestos de 20 e 21 de Setembro em Barcelona, que dificultaram a acção das forças de segurança para impedir a realização do referendo de 1 de Outubro.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *