Ministro da Saúde anuncia plano de eliminação de dívida

O Ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, anunciou hoje na Assembleia da República uma injecção financeira para redução da dívida no sector da saúde. O ministro anunciou que, ainda este ano, serão transferidas verbas para liquidas dívidas.

 

“Será lançado, ainda este ano, um vasto plano de eliminação de stock de dívida no valor de 1,4 mil milhões de euros, o qual contribuirá para que se atinja o valor da dívida mais baixo de sempre”, disse Adalberto Campos Fernandes na discussão do Orçamento para a saúde na especialidade.

Em resposta a um deputado social-democrata, Adalberto Campos Fernandes avançou ainda que “entraremos já no início de 2018 num ciclo de maior financiamento da saúde dos últimos anos e num quadro que faz antever um quadro de estabilidade até ao final da legislatura”.

Em Setembro deste ano, a dívida no sector da saúde fixou-se nos 967 milhões de euros, no que toca à dívida em atraso e superou os dois mil milhões de euros na divida total (2.072 milhões de euros).

Descomplicador:

Adalberto Campos Fernandes anunciou hoje na Assembleia da República um programa de redução da dívida no sector da saúde, que pretende eliminar 1,4 mil milhões de euros de stock de dívida.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *