Merkel com dificuldade em formar governo

Angela Merkel falhou mais uma ronda negocial para formar governo na Alemanha, depois das eleições gerais, que lhe deram nova vitória, mas sem maioria absoluta. As opções começam a ficar limitadas para Merkel, que terá que governar sozinha ou marcar novas eleições.

 

Depois dos sociais-democratas do SPD, liderados por Martin Schulz se terem excluído de novas coligações com a CDU de Angela Merkel, a chanceler alemã ficou com as opções mais limitadas, As negociações com a FDP e Os Verdes não tem produzido resultados e as opções começam a ficar limitadas para a chanceler.

Na história da politica alemã, nunca um governo exerceu funções de forma minoritária, conseguindo as forças politicas encontrar sempre um caminho comum para uma coligação pós-eleitoral. A maioria dificuldade de Angela Merkel prende-se com a politica de imigração e de refugiados.

Quem tem estado a pressionar Merkel para encontrar um caminho de futuro é o presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier, que quer evitar a realização de novas eleições, que podem dar ainda mais força à extrema-direita, corporizada pela Alternativa para a Alemanha (AfD).

Descomplicador:

Angela Merkel está a ter dificuldades em encontrar um parceiro de governo e o presidente alemão está a pressionar cada vez mais os partidos para encontrarem uma solução e evitar assim a marcação de novas eleições.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *