Pedro Passos Coelho anuncia saída da Assembleia da República

A decisão não surpreende, mas agora já foi oficialmente comunicada aos colegas de bancada. Pedro Passos Coelho vai deixar a Assembleia da República depois do acto eleitoral do Partido Social Democrata, evitando assim ficar como sombra do próximo líder.

 

O ainda presidente do PSD, já em modo de despedida, anunciou na reunião do Grupo Parlamentar do PSD, que se realizou esta manhã, que vai renunciar ao mandato de deputado depois do congresso dos sociais-democratas em Fevereiro.

Pedro Passos Coelho vai assim deixar a vida politica activa, regressando à condição de militante base dos sociais-democratas, isto depois de no seu último debate quinzenal no Parlamento já não ter sequer utilizado a palavra para intervir.

Passos Coelho anunciou a sua saída da liderança do PSD após as eleições autárquicas, não se recandidatando assim a um quinto mandato, depois de ter vencido as últimas quatro eleições directas do PSD (2010, 2012, 2014 e 2016).

Descomplicador:

Pedro Passos Coelho informou já o Grupo Parlamentar do PSD que vai deixar a Assembleia da República depois do congresso dos sociais-democratas, dando assim espaço ao novo líder dos “laranjinhas”.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *