Ministro do Ambiente garante estar atento ao problema do Rio Tejo

O Ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, garantiu estar a “atacar desde já” o problema da poluição no Rio Tejo, e adiantou que já estão a ser feitas recolhas da espuma que está a afectar o rio, que serão analisadas pelo Instituto Superior Técnico.

“Neste momento confrontamo-nos com duas coisas: um problema agudo de poluição, que tem por detrás um acumular de condições de consolidação de matéria orgânica que, em anos de muito pouca chuva, não tiveram forma de se poder diluir. E vamos atacá-lo desde já”, garantiu o Ministro do Ambiente, em Montalegre.

Matos Fernandes está esta tarde em Abrantes, onde vai reunir com a EDP, as Águas Vale do Tejo, a Agência Portuguesa do Ambiente e consultores da Universidade Nova de Lisboa, acrescentando que “estamos a fazer essas mesmas recolhas com a certeza de que o problema que temos à nossa frente é um problema com uma dimensão que não resulta certamente da descarga A ou da descarga B, o que não quer dizer que elas não possam ter existido”.

O Ministro do Ambiente garantiu também que já estão a ser efectuadas recolhas da espuma, que “a natureza não está a conseguir depurar” e que serão mais tarde analisadas pelo Instituto Superior Técnico, cujos resultados devem ser conhecidos durante a próxima semana.

Descomplicador:

O Ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, garantiu que o problema do Rio Tejo está a “ser atacado desde já” e aguarda os resultados das análises efectuadas pelo Instituto Superior Técnico para conhecer o problema com mais detalhe.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *