Revista Time considera Puigdemont um dos fugitivos mais procurados

A revista Time incluiu o nome de Carlos Puigdemont, ex e futuro presidente do governo catalão, na lista dos cinco fugitivos mais procurados do mundo em 2018. Carlos Puigdemont está auto-exilado na Bélgica desde a aplicação do artigo 155º que retirou a autonomia ao executivo catalão.

A publicação norte-americana considera o ex-jornalista um dos fugitivos mais procurados no plano geopolitico durante o ano de 2018, ao lado de nomes como Julian Assange, fundador da Wikileaks e o Primeiro-Ministro do Kosovo e um dos fundadores do Exército de Libertação do Kosovo.

A Time recordou que Carlos Puigdemont “seguiu em frente com um referendo sobre a independência à margem do que diz a Constituição”, provocando assim as autoridades de Madrid. A sua fuga para a Bélgica, juntamente com outros quatro elementos, depois de terem sido acusados de sediação e rebelião.

Carlos Puigdemont procura actualmente uma forma de ser novamente investido presidente do Governo da Catalunha, mas o Tribunal Constitucional obriga a que essa tomada de posse decorra na Generalitat (o parlamento), o que Puigdemont quer evitar.

Descomplicador:

A revista Time considerou Carlos Puigdemont um dos cinco fugitivos mais procurados do mundo. Puigdemont surge numa lista ao lado de nomes como Julian Assange, fundador do Wikileaks, ou do Primeiro-Ministro do Kosovo e fundador do Exército de Libertação.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *