Rodrigo Gonçalves critica liderança de Pedro Pinto e de Miguel Pinto Luz

O ex-presidente do PSD Lisboa, Rodrigo Gonçalves, criticou as lideranças distritais de Miguel Pinto Luz e de Pedro Pinto, colocando-os como os maiores responsáveis pelo falhanço autárquico na região de Lisboa. O apoiante de Rui Rio foi já protagonista de vários casos ligados ao controlo de “bolsas de militantes” no concelho de Lisboa.

“Pior era difícil. Toda a gente perceberá que os conselhos, as estratégias ou as tácticas eleitorais de quem perdeu assim, dificilmente terão seguidores a não ser que pretendam que o PSD se transforme a nível nacional num partido de segunda linha como actualmente acontece na Área Metropolitana de Lisboa (Norte)”, disse Rodrigo Gonçalves em carta envia aos militantes do PSD do distrito de Lisboa.

A carta surge como que em resposta à missiva de Miguel Pinto Luz dirigida a Rui Rio, com Rodrigo Gonçalves a considerar que “as opiniões dos companheiros Pedro Pinto e Miguel Pinto Luz, que se mostram apreensivos quanto ao impacto eleitoral de eventuais acordos entre o Partido Socialista e o PSD, merecem toda a atenção. Até certo ponto são um bom sinal à luz dos maus resultados eleitorais que a estratégia que ambos implementaram nos últimos dez anos na área metropolitana de Lisboa trouxe ao PSD”.

Rodrigo Gonçalves foi presidente interino da concelhia de Lisboa do PSD, depois da demissão de Mauro Xavier no seguimento da escolha da cabeça-de-lista para a Câmara Municipal de Lisboa. Mais tarde, nas eleições internas, Rodrigo Gonçalves perdeu para Paulo Ribeiro, que tomou ontem posse.

Descomplicador:

Rodrigo Gonçalves, ex-presidente do PSD Lisboa e ligado ao controlo de “bolsas de militantes” no concelho, dirigiu uma carta aos militantes da região, onde critica as lideranças de Miguel Pinto Luz e de Pedro Pinto, considerando-os os maiores responsáveis pelos falhanços eleitorais desde 2005.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *