Jovem Deputado do Ano: Margarida Balseiro Lopes conquista galardão de 2017

A deputada do PSD, Margarida Balseiro Lopes é a vencedora do galardão Jovem Deputado do Ano 2017, promovido pelo Panorama. Margarida Balseiro Lopes tem actualmente 28 anos e iniciou em 2015 a sua primeira legislatura. É Secretária-Geral da Juventude Social Democrata e anunciou há dias a sua candidatura à liderança da JSD.

Margarida Balseiro Lopes venceu o galardão com quatro dos cinco votos disponíveis (três do júri, um da redacção do Panorama e outro da coordenação do Panorama). A deputada eleita pelo circulo de Leiria sucede assim a Mariana Mortágua, que conquistou o galardão em 2015.

A parlamentar do PSD integra as Comissões de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa e a Comissão Eventual para o Reforço da Transparência no Exercício das Funções Públicas. A nível parlamentar dedica várias intervenções aos temas de juventude e do Ensino Superior.

Anunciou recentemente a sua candidatura à liderança da Juventude Social Democrata, podendo tornar-se, em caso de vitória, a primeira mulher a liderar esta estrutura.

O leque de finalistas era composto ainda por Rita Rato, Hugo Costa, Ivan Gonçalves e André Pinotes Batista. Na escolha do vencedor participaram os três jurados, Manuel Monteiro, Hugo Carvalho e Octávio Lousada Oliveira, a equipa de redacção do Panorama e ainda a coordenação do Panorama.

Descomplicador:

Margarida Balseiro Lopes venceu o galardão Jovem Deputado do Ano 2017, promovido pelo Panorama. A parlamentar do PSD arrecadou quatro dos cinco votos possíveis, entre o júri, a redacção e a coordenação do Panorama.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Existem 15 comentários a este artigo
  1. cgalantevinagre@gmai.com'
    Conceição Vinagre at 22:00

    Que vergonha. É o que se me oferece dizer. Nao há adjetivos que definam esta vergonha. Para quê votação do publico quando afinal são uns (poucos) (des)”iluminados” que decidem? Comigo nao gozam mais.

    • Miguel Dias Author at 23:21

      Boa noite,

      O método de escolha, publicado desde o inicio, é o seguinte:

      Método de escolha:
      Os leitores votam no deputado que consideram merecer ganhar o Jovem Deputado do Ano até ao dia 22 de Janeiro.
      Os cinco nomes mais votados tornam-se assim finalistas deste prémio.
      De 22 a 26 de Janeiro a coordenação do Panorama, redacção do Panorama e três personalidades convidadas pelo Panorama votam no que consideram ser o vencedor, que será anunciado dia 1 de Fevereiro.

      A única alteração que existiu foi o adiamento do anúncio do vencedor, pelo qual o Panorama pediu já desculpa e publicou uma explicação.

      Miguel Dias,
      Panorama

  2. Pbarata50@hotmail.com'
    Teresa paz at 22:24

    Como é possível porem a votação e., depois as pessoas serem escolhidas por juri, redação e mais não sei o que…… Ainda por cima conhecendo o trabalho dos candidatos como conheço mais vergonha sinto!!!!

    • Miguel Dias Author at 23:21

      Boa noite,

      O método de escolha, publicado desde o inicio, é o seguinte:

      Método de escolha:
      Os leitores votam no deputado que consideram merecer ganhar o Jovem Deputado do Ano até ao dia 22 de Janeiro.
      Os cinco nomes mais votados tornam-se assim finalistas deste prémio.
      De 22 a 26 de Janeiro a coordenação do Panorama, redacção do Panorama e três personalidades convidadas pelo Panorama votam no que consideram ser o vencedor, que será anunciado dia 1 de Fevereiro.

      A única alteração que existiu foi o adiamento do anúncio do vencedor, pelo qual o Panorama pediu já desculpa e publicou uma explicação.

      Miguel Dias,
      Panorama

  3. lbmota@gmail.com'
    Luísa Mota at 23:00

    Como o resultado da votação não foi aquele que queriam, fingem que nunca aconteceu e então quem ganha é a vossa amiguinha! Que vergonha!

    • Miguel Dias Author at 23:21

      Boa noite,

      O método de escolha, publicado desde o inicio, é o seguinte:

      Método de escolha:
      Os leitores votam no deputado que consideram merecer ganhar o Jovem Deputado do Ano até ao dia 22 de Janeiro.
      Os cinco nomes mais votados tornam-se assim finalistas deste prémio.
      De 22 a 26 de Janeiro a coordenação do Panorama, redacção do Panorama e três personalidades convidadas pelo Panorama votam no que consideram ser o vencedor, que será anunciado dia 1 de Fevereiro.

      A única alteração que existiu foi o adiamento do anúncio do vencedor, pelo qual o Panorama pediu já desculpa e publicou uma explicação.

      Miguel Dias,
      Panorama

  4. p.carvalhorodrigues@gmail.com'
    Pedro Carvalho at 23:58

    Ganhou a deputada que recebeu menos do que 5% dos votos do público. Sendo que ficou atrás de Rita Rato, do PCP, (61%) e de dois deputados do PS com 7%. Naturalmente, a JSD ia ganhar fosse como fosse com a maioria dos votos de um juri sem qualquer imparcialidade política a imporem um resultado sem qualquer correspondência com o público. Este prémio deixa de ter qualquer credibilidade.

    • Miguel Dias Author at 14:04

      Bom dia,

      O método de escolha, publicado desde o inicio, é o seguinte:

      Método de escolha:
      Os leitores votam no deputado que consideram merecer ganhar o Jovem Deputado do Ano até ao dia 22 de Janeiro.
      Os cinco nomes mais votados tornam-se assim finalistas deste prémio.
      De 22 a 26 de Janeiro a coordenação do Panorama, redacção do Panorama e três personalidades convidadas pelo Panorama votam no que consideram ser o vencedor, que será anunciado dia 1 de Fevereiro.

      A única alteração que existiu foi o adiamento do anúncio do vencedor, pelo qual o Panorama pediu já desculpa e publicou uma explicação.

      Miguel Dias,
      Panorama

  5. dreadangelo@hotmail.com'
    Ângelo Lima at 11:03

    Queixam-se porque quem ganhou o galardão perdeu na votação do público, mas o nosso primeiro ministro perdeu as eleições e mesmo assim rapa o tacho, uns podem e outros não? :v

  6. j.telmo999@gmail.com'
    João Telmo at 14:55

    Os primeiro-ministros não ganham ou perdem eleições. É através da distribuição dos deputados entre os vários partidos que se configuram as maiorias que elegerão o primeiro-ministro. O chefe do governo é eleito pelo parlamento e não pelas urnas. Se não sabe como se organiza o poder político no seu país vá ler a constituição.

  7. dnnoivo@gmail.com'
    Diana Martins at 18:27

    Que vergonha!!!!
    Como é que uma candidata com 61% dos votos é derrotada por uma senhora que tem 5% da votação?!!!

    A questão que se coloca é a seguinte:
    Quem é que foram as três personalidades convidadas pelo panorama que definiram a vitória da senhora Margarida Lopes nos cinco finalistas apurados?

    Obrigada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *