Centeno garante que não há cativações no SNS

O Ministro das Finanças, Mário Centeno, garantiu na Assembleia da República que “não há um único euro de cativações no Serviço Nacional de Saúde”, em resposta a uma acusação lançada pelo CDS.

“Quem fala em cativações desconhece totalmente a gestão financeira na saúde”, disse Mário Centeno no Parlamento, numa comissão parlamentar conjunta de Saúde e Finanças, pedida pelo PSD e pelo CDS, que têm lançado várias acusações à gestão de Centeno e Adalberto Campos Fernandes, na saúde.

A deputada do CDS, Isabel Galriça Neto, disse que, “bem pode o ministro da Saúde anunciar injeções de capitais, que o senhor ministro das Finanças congela esses pagamentos, que mais não são do que cativações encapotadas”, levando o Ministro das Finanças a garantir que não existem cativações no Serviço Nacional de Saúde.

Mário Centeno acrescentou ainda que dos 1400 milhões de euros disponibilizados para o pagamento de dívidas em atraso, 900 milhões já foram concretizados no período anunciado, acrescentando que, “os pagamentos em atraso são um problema que o Governo reconhece e está a atacar”.

Descomplicador:

Mário Centeno garantiu, na Assembleia da República que, “não há um único euro de cativações no Serviço Nacional de Saúde”.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *