PS quer chamar ex-ministro ao Parlamento

O Partido Socialista é favorável à audição ao ex-ministro Manuel Pinho, no Parlamento, no seguimento das noticias que dão conta de recebimentos de dinheiro por parte do Grupo Espírito Santo enquanto desempenhou funções no executivo de José Sócrates.

O líder parlamentar do PS, Carlos César, diz que é “importante escrutinar todas as decisões que ele pessoalmente tomou enquanto foi governante e que se possam relacionar com a situação que lhe é imputada e que ainda não desmentiu”.

O CDS, através de Assunção Cristas, já veio garantir que, “votará favoravelmente esse pedido, na certeza de que não há uma obrigatoriedade de comparência do anterior ministro, porque não está em funções”, mas mostrando-se satisfeito com a iniciativa do PS.

O PSD tinha já mostrado a intenção de chamar Manuel Pinho à Assembleia da República, considerando ainda que o ex-governante “aceite a ida ao parlamento, explique o que tiver de explicar e, preferencialmente, que esteja em condições de negar tudo aquilo que lhe tem sido imputado em diversas notícias”.

Descomplicador:

O Partido Socialista também quer chamar Manuel Pinho à Assembleia da República para explicar a questão dos alegados pagamentos do Grupo Espírito Santo durante a sua permanência no governo de José Sócrates.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *