Pedro Sanchez só quer convocar eleições em 2020

O agora Primeiro-Ministro espanhol, Pedro Sanchez, quer levar a legislatura até ao fim e só admite a realização de eleições em 2020. Este parece ser também o entendimento dos partidos da oposição, incluindo do PP, que foi afastado do poder e com excepção do Ciudadanos.

“Quero convocar eleições em 2020, quero ir até ao fim da legislatura”, disse Pedro Sanchez numa entrevista à TVE. Pedro Sanchez considera que Espanha tem que conquistar “estabilidade” e “normalidade politica”, só convocando eleições depois dessas condições estarem garantidas.

Já o Ciudadanos exige a marcação de eleições antecipadas, ao considerar que Pedro Sanchez deu garantias de marcar eleições caso a moção de censura vencesse. O partido que apoiou essa moção, o Podemos, pretende, no entanto, levar também a legislatura até ao fim.

Quem também podia ter uma palavra a dizer era o Partido Popular, que acabou por ser afastado do poder, mas que, até ao momento, não fez ainda nenhum pedido para eleições antecipadas, por estar a passar pelo processo de mudança interna.

Descomplicador:

O Primeiro-Ministro espanhol, Pedro Sanchez, quer levar a legislatura até ao fim, marcando eleições apenas em 2020. O Podemos e o PP parecem concordar com a ideia, da qual só o Ciudadanos discorda.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *