Web Summit: onde as “policies” mandam recados às “politics”

A Web Summit junta no Parque das Nações, em Lisboa, centenas de oradores das mais diversas áreas, abordando principalmente temas como a tecnologia e o empreendedorismo, mas abarcando também outros, sempre com o foco da inovação e de marcar a agenda. Em conversas que nem sempre são sobre “politics”, muitas são as “policies” que se discutem nos palcos da cimeira digital.

Policies – politicas, ações, princípios

Politics – ciência do governo, arte de regular as relações

O segundo dia da conferência contou com a presença das figuras mais proeminentes da politica europeia. O ex-Primeiro-Ministro britânico, Tony Blair, a Comissária Europeia para a Competitividade, Margrethe Vestager ou ainda o ex-campeão de xadrez e ativista, Garry Kasparov.

Assim, muitas são as politicas que se discutem no plano teórico, mas cujos recados estão bem direccionados. Margrethe Vestager, a comissária europeia responsável pela investigação às grandes empresas tecnológicas, ainda hoje deixou no palco da Web Summit de que a Comissão Europeia está prestes a concluir mais uma investigação à Google, vindo aí nova multa milionária para a gigante de Sillicon Valley.

O aviso foi feito poucas horas antes de, ao mesmo palco, subir Matt Brittin, o responsável de negócios e operações da Google Europa, que logo aí foi questionado sobre a intervenção anterior da Comissária Europeia.

Antes da hora de almoço foi a vez do ex-Primeiro-Ministro britânico, Tony Blair, ter também ele pisado o “Center Stage” da Web Summit, para uma conversa de 25 minutos, onde o assunto quente do momento não pode passar ao lado. Tony Blair deixou a garantia de que vai lutar pela manutenção do Reino Unido na União Europeia até onde lhe for possível.

Garry Kasparov, considerado um dos maiores xadrezistas de sempre, é também presença regular na Web Summit, enquanto consultor da Avast, aproveitando sempre o palco para deixar alertas sobre as politicas seguidas por Vladimir Putin, das quais é um feroz opositor desde há vários anos para cá.

Mas, com ou sem políticos como protagonistas, vários são os oradores que deixam recados para o setor, seja sobre a forma como a tecnologia deve ser regulada ou entrar nas organizações mais conservadoras, ou ainda sobre as energias limpas e a tecnologia sustentável.

Descomplicador:

Vários são os oradores, oriundos do mundo politico ou não, que aproveitam o palco da Web Summit para deixar recados aos responsáveis governamentais da atualidade. Também alguns responsáveis políticos no ativo, aproveitam para deixar avisos às grandes empresas tecnológicas.

Publicado por: Miguel Dias

Licenciado em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social. Assessor de comunicação numa federação desportiva, colabora com a imprensa regional na sua cidade, Almeirim e criou um conjunto de projectos temporários sobre politica local e nacional. Fundou ainda uma rádio regional e é comentador convidado de ténis da Eurosport.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *